São Caetano estréia Pintado contra o desesperado Guarani

Ambas equipes buscam a reabilitação no duelo deste sábado, às 20h30, no Brinco de Ouro, pela 12.ª rodada

Agência Estado

29 de fevereiro de 2008 | 22h45

Em situações complicadas na tabela, Guarani e São Caetano buscam a reabilitação no duelo deste sábado, às 20h30, no Brinco de Ouro, pela 12.ª rodada do Campeonato Paulista. O time de Campinas, que não vence desde a sétima rodada (1 a 0 sobre o Rio Claro), vem de derrota pelo mesmo placar para a Portuguesa e está na zona de rebaixamento, com 10 pontos. A crise, que já tinha derrubado o técnico Roberval Davino, também afastou o diretor de futebol José Carlos Hernandes.GuaraniGisiel; Maranhão, Danilo Silva, Xandão e Alessandro; Roger, João Paulo, Marcinho e Paulo Santos; Selmir e CrisTécnico: Jair PicerniSão CaetanoJúlio César; Athos, Neto Gaúcho, Edson Borges e Ademir Sopa; Galiardo, Tobi, Douglas e Canindé; Luan e GalvãoTécnico: PintadoÁrbitro: Luciano Calabietto QuilichiniEstádio: Brinco de Ouro da PrincesaHorário: 20h30TV: Pay-per-view No Guarani, o lateral-direito Robinho não se recuperou completamente e segue de fora - Maranhão fica com a vaga. Na lateral-esquerda, Alessandro fará sua estréia, assim como o atacante Selmir, que fará dupla com Cris."Precisamos maneirar na ansiedade para a gente conquistar um bom resultado", pregou o técnico Jair Picerni. O São Caetano vem de goleada por 6 a 1 para o Barueri, que culminou na volta do interino Ivan Baitello à condição de auxiliar. Pintado, que estava no Ituano, estréia com a missão de tirar o time da modesta 13.ª colocação, com 14 pontos. E chega otimista. "Fiquei satisfeito com a equipe, que pretende reagir", disse o treinador, que não terá o suspenso volante Hernani. Por outro lado, dois jogadores reforçam o time: os volantes Tobi e Galiardo.

Tudo o que sabemos sobre:
Paulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.