São Caetano fará treino secreto na 5ª

Na briga por uma vaga na Taça Libertadores da América de 2004 vale todo tipo de sacrifício e também de artimanha. Na apresentação do elenco do São Caetano, nesta terça-feira cedo no estádio Anacleto Campanella, o técnico Tite já avisou que na sua programação semanal fará um treino secreto, com certeza o mais importante antes do jogo de "vida ou morte" contra o Internacional, sábado, às 18 horas, no ABC. Quem ganhar este jogo, válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro, garantirá a vaga. Este treino, provavelmente, será realizado na quinta-feira à tarde. Será reservado para acertar o posicionamento do time em campo, bem como para ensair algumas jogadas como de escanteio e cobrança de faltas. Na realidade o ritmo de treinos continua lento, tanto que somente nesta terça-feira é que os jogadores se movimentaram em dois períodos. Pela manhã trabalharam na academia com exercícios de musculação. À tarde houve treino técnico, com muitas finalizações. Tanto na quarta como na quinta-feira os treinos serão realizados somente à tarde. Um deles será secreto. "É um trabalho reservado, que vamos acertar alguns detalhes para o jogo. Por isso, conto com a compreensão de todos da imprensa", justificou Tite. Outra medida especial tomada pela comissão técnica é a antecipação da concentração para quinta-feira. Na manhã seguinte haverá o tradicional rachão e à tarde o isolamento total para o jogo. A grande preocupação, de momento, é com o meia Marcinho, que ainda não está recuperado de uma distensão na coxa direita. Ele já treina fisicamente, mas de forma isolada. Se participar do apronto-final poderá ter sua presença confirmada, o que seria um sensível reforço para o time. Marcinho é o artilheiro do São Caetano na competição com 13 gols. Estão confirmados os retornos de dois zagueiros titulares, Gustavo e Serginho, que cumpriram suspensão automática na derrota de 2 a 1 para o Juventude, em Caxias do Sul. Confiando no time, a diretoria espera pelo apoio de sua pequena torcida. Os ingressos começam a ser vendidos nesta quarta-feira em vários pontos da cidade. A arquibancada custa R$ 15, com meia valendo R$ 7. Para incentivar a presença de famílias ao estádio, mulheres pagam apenas R$ 5 e crianças até 12 anos, acompanhadas por adultos, não pagam nada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.