São Caetano lamenta derrota e bobeira

A derrota do São Caetano para o Santos, por 3 a 2, interrompeu uma série de três vitórias seguidas do time do ABC no Campeonato Paulista. Para o goleiro Sílvio Luiz, os gols sofridos foram conseqüência de "instantes de bobeira" que atrapalharam o jogo competitivo de sua equipe. "Realmente pecamos na marcação", completou o goleiro, que considerou o resultado injusto.O mesmo conceito teve o técnico Zetti, lembrando que seu time buscou o empate duas vezes e sofreu o terceiro gol somente no final. "Naquela altura o jogo estava controlado e a igualdade seria o melhor placar para os dois times. Infelizmente, perdemos", lamentou o técnico.O meia Marcinho também lamentou a derrota que estragou sua festa pelo gol de falta marcado ainda no primeiro tempo. "Venho tendo bom aproveitamento nos treinos. No último jogo, tinha mandando uma bola na trave diante do Ituano. Agora acertei, mas foi uma pena porque nosso time perdeu".O próximo jogo do São Caetano será diante do Santo André, no outro domingo, no campo do adversário. Será o clássico do ABC. No momento, o Santo André leva vantagem na classificação, em quarto lugar, com 20 pontos, cinco a mais do que o São Caetano, que tem 15, em sexto.

Agencia Estado,

27 de fevereiro de 2005 | 19h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.