São Caetano promete vitória no Rio

Com moral elevado por ser o primeiro clube brasileiro a garantir vaga na segunda fase da Taça Libertadores da América, o São Caetano enfrenta o Flamengo, no Maracanã, neste domingo, de olho numa das quatro vagas das semifinais do Torneio Rio-São Paulo. Pela situação, só mesmo a vitória interessa, o que abre a perspectiva de um time muito ofensivo em cima do eliminado time carioca. O Flamengo pode, então, esperar um adversário disposto a tudo para conseguir a vitória. Já desclassificado na competição, o clube carioca também está quase fora da Libertadores, onde tem apenas chances matemáticas. "Temos que aproveitar este momento ruim do adversário", indicou Jair Picerni. Esta necessidade de somar os três pontos foi o assunto principal da comissão técnica com seus jogadores, antes do recreativo realizado pela manhã de sábado, no estádio Anacleto Campanella, no ABC. O São Caetano tem 19 pontos, ocupando a sétima posição. Seus últimos dois jogos serão contra o Americano em Campos, e Fluminense, no ABC. "Só entramos para vencer mesmo. Estamos num ritmo bom", garantiu o atacante Wágner, que marcou um dos gols na vitória do Azulão sobre o Alianza, por 3 a 0, em Lima, pela Taça Libertadores. Líder do Grupo 1 e classificado para a Segunda fase, o São Caetano espera voltar do Rio com os três pontos. "Esta vitória é fundamental para a gente buscar a vaga", afirma, o consciente Daniel, zagueiro e capitão do vice-campeão brasileiro. Apenas uma mudança deve acontecer no time. O meia Adãozinho reforça o meio-campo, uma vez que cumpriu suspensão em Lima. O volante Messias volta para a reserva.

Agencia Estado,

30 Março 2002 | 17h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.