São Caetano só vai treinar na segunda

O clima não poderia ser outro nesta quinta-feira no São Caetano, após a morte do zagueiro Serginho. Por causa deste fato trágico, comissão técnica e diretoria optaram por liberar o elenco, dada a consternação geral. Os jogadores vão se reapresentar apenas na segunda-feira, às 9h30. "O clima ainda é péssimo. Vamos ver como todos nós estaremos até lá. Só o tempo vai dizer", disse o técnico Péricles Chamusca. O Azulão continua com 65 pontos, em quarto lugar. Na quarta-feira, às 20h30, no Morumbi, será disputado o restante do jogo contra o São Paulo. A partida foi paralisada aos 14 minutos do segundo tempo. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) adiou o próximo jogo do São Caetano, contra o Paraná, previsto para ocorrer neste domingo, no estádio Anacleto Campanella, no ABC. A nova data está definida para dia 10 de novembro, uma quarta-feira, no mesmo local, às 20h30. Serginho será enterrado às 9 horas da manhã desta sexta-feira no cemitério da cidade de Coronel Fabriciano, em Minas Gerais. Os jogadores Lúcio Flávio, Marcinho, Dininho, Sílvio Luiz, Thiago, Mineiro e Euller, viajaram em avião fretado junto com o corpo do ex-zagueiro, além de vários dirigentes. A assessoria de imprensa do clube divulgou uma nota oficial garantindo que o clube dará toda a retaguarda necessária à família.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.