São Caetano tenta sair da crise

Há sete jogos sem vencer e vindo de seis derrotas consecutivas, o São Caetano tenta tirar a corda do pescoço diante do Figueirense, nesta quarta-feira, às 19h30, no Estádio Anacleto Campanella, pela 27.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Atualmente o time do ABC é o 15.º colocado, com 32 pontos, enquanto o time catarinense é o lanterna com apenas 23 pontos. Quando entrar em campo, o time paulista estará completando 42 dias sem vitória, comemorada em casa no dia 10 de agosto, contra o Atlético-PR, 3 a 2. Depois empatou com o Coritiba, em 2 a 2, acumulando derrotas diante de Cruzeiro, Palmeiras, Goiás, Fortaleza, Paysandu e Flamengo.O técnico Jair Picerni, que estreou perdendo para o Flamengo, por 2 a 0, acha que falta "mais tranqüilidade, o que atrapalha bastante, principalmente nas finalizações". Talvez, por este motivo, ele resolveu dar um voto de confiança no time e só fará uma alteração por necessidade: Márcio Mixirica vai ocupar a vaga de Dimba, suspenso com três cartões amarelos. O esquema 4-4-2 será mantido.No retrospecto, o time de Florianópolis leva uma pequena vantagem. Em sete jogos foram quatro vitórias do Figueirense, contra três do São Caetano. No primeiro turno, em Santa Catarina, os catarinenses venceram, por 2 a 0.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.