'São dois idiotas!', diz Maradona sobre Pelé e Beckenbauer

Argentino discorda veementemente dos ex-jogadores quanto à punição dada ao uruguaio Suárez e provoca: 'Fiquem quietos!'

O Estado de S. Paulo

30 de junho de 2014 | 10h36

 Maradona não gostou nem um pouco das opiniões de Pelé e Beckenbauer, favoráveis à punição da Fifa dada ao uruguaio Luis Suárez, e fez questão de demonstrar isso em seu programa de TV na emissora Telesur, o De Zurda.

"Como não vão estar de acordo com a Fifa se são pagos por eles? Pelé e Beckenbauer, fiquem quietos, quietos", disse o argentino. E alfinetou ainda mais. "Esses dois saíram de um museu para falar coisas estúpidas, porque são dois idiotas. São dois idiotas que fazem essas coisas porque o Chefão (Joseph Blatter) manda".

Declaradamente contra a punição dada a Suárez, Maradona já havia se pronunciado no programa sobre o assunto, classificando a medida como "uma injustiça". O uruguaio terá que ficar nove partidas afastado da seleção, e mais quatro meses das atividades esportivas por morder o italiano Chiellini na partida entre Itália x Uruguai .

"Eu fico louco com essa gente. Fico louco porque saem em defesa do indefensável. E que faz mal para o menino Luiz Suárez. E faz mal para toda a América Latina", completou. Maradona fez ainda críticas ao ídolo brasileiro e ao ex-jogador alemão quando ainda eram atletas. "Pelé machucou mais de um. Dava cotoveladas que quebravam um nariz".

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.