São Gabriel promete ser ainda mais duro

Se o Palmeiras achou que o São Gabriel foi um time violento na partida de ida entre as duas equipes, pela Copa do Brasil, em São Gabriel, não sabe o que o espera na partida de volta, quarta-feira, no Palestra Itália. "A diferença em relação à primeira partida será que o nosso time virá com mais vontade ainda", disse o técnico da equipe gaúcha, Jorge Anadon. "Para o jogo aí em São Paulo vamos colocar a alma na ponta da chuteira." Anadon fez questão de defender o estilo gaúcho de jogo e diz que a marcação forte vai ser mantida. "O Picerni reclamou bastante e o Magrão também, mas é choro de perdedor. Acredito que se eles estivessem na minha situação teriam feito a mesma coisa que fiz", disse o técnico do São Gabriel. O outro argumento para convencer que seu time não é violento é o próprio Palmeiras. "Como era o time quando o técnico era o Luiz Felipe Scolari? Não era pegador também?", pergunta o Anadon, relembrando dos bons resultados obtidos pelo atual técnico da seleção de Portugal. "Pois é. No Sul nós somos assim." O técnico do São Gabriel preferiu a cautela ao falar do adversário. Não quis tripudiar sobre a derrota do Palmeiras para o Paulista, que viu pela televisão no domingo, ou relembrar a eliminação da equipe para o Asa, de Arapiraca, na Copa do Brasil de 2002. Aliás, achou a vitória do time de Jundiaí uma surpresa. "Já fizemos um milagre aqui. Agora vamos tentar outro aí. Vamos para São Paulo dispostos a fazer a nossa parte para um grande jogo." A única coisa que aborrece Anadon, é a falta de apoio da torcida de São Gabriel. "Conseguimos passar pelo Figueirense lá em Florianópolis e ganhamos do Palmeiras aqui por 2 a 1, mas ninguém ligou", lamenta. Segundo ele, seis titulares saíram contundidos daquela partida e o grupo completo só voltará a se reunir quarta-feira. Depois do jogo contra o Palmeiras, seu time caiu de produção no Campeonato Gaúcho. "Priorizamos a Copa do Brasil, ao mesmo tempo que ninguém entende que o nosso plantel é reduzido."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.