São Paulo admite abatimento, mas promete muita luta

A derrota para o Grêmio por 1 a 0, no domingo, deixou o São Paulo fora da zona de classificação para a Libertadores e 11 pontos atrás do líder do Campeonato Brasileiro. Os jogadores reconheceram que ficaram abatidos com o resultado, mas prometem brigar até o final pelo título da competição. "Ficamos cabisbaixos e chateados após essa derrota, mas já é outra história. Enquanto houver esperança, vamos continuar brigando", prometeu Richarlyson, que disse já pensar nos próximos jogos. "Não temos outro objetivo a não ser o título. Tem muito campeonato pela frente e sabemos do nosso potencial. O Grêmio também tem partidas complicadas."O volante Jean acompanhou Richarlyson. E citou o difícil confronto que o líder terá na próxima rodada. "Eles vão jogar com o Flamengo no Maracanã. Já é uma boa chance de diminuir a vantagem para oito pontos novamente." E completou, reforçando o discurso de que o título brasileiro ainda é possível. "Ficou mais difícil, só que não tem nada definido, o Grêmio ainda não é o campeão brasileiro de 2008. Não podemos desanimar. Claro que é importante garantir uma vaga na Libertadores, mas ninguém aqui está pensando em outra coisa que não seja o título neste momento".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.