São Paulo ainda aposta em Diego Tardelli

Mesmo após ter faltado aos treinos preparatórios do time de juniores para a Copa São Paulo e irritado a cúpula tricolor, o atacante Diego Tardelli, de apenas 18 anos, segue prestigiado para 2004 e aparece como uma das apostas do clube para a Libertadores e o Campeonato Brasileiro. Ele já está à disposição do técnico Vizolli para a Copa São Paulo e, após a competição, se juntará aos profissionais, quando, então, será punido com uma multa. Não foi descartada, também, a possibilidade de ele passar uma temporada com Cilinho, em Barueri, como forma de punição, mas não é o mais provável.A comissão técnica e os dirigentes acreditam que Diego Tardelli tem grande potencial e pode evoluir bastante. Mostrou sua boa condição técnica nas últimas rodadas do Brasileiro, fazendo gol em cinco jogos consecutivos, e também na Sul-Americana, pela qual fez um golaço contra o River Plate, no Morumbi, na semifinal.Muita gente no Morumbi aposta que o jovem atacante vai longe, mas há um grupo que não acredita nisso. "Tecnicamente ele é muito bom, mas não é um jogador muito responsável, preocupado com seus compromissos, tem um gênio difícil", declarou um dirigente que preferiu não ser identificado.Juvenal Juvêncio, diretor de futebol, não faz questão de esconder o descontentamento com seus atos de indisciplina. "Se ele tivesse cabeça tão boa como tem competência com os pés, seria ótimo." Se a cabeça ajudar, Diego Tardelli disputará vaga no ataque com Grafite - a outra é de Luís Fabiano. Caso contrário, poderá se transformar em mais um talento desperdiçado.

Agencia Estado,

06 de janeiro de 2004 | 19h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.