São Paulo ainda sonha em ter Nilmar no Brasileirão

Advogada que já trabalho com atleta diz que atacante está mais perto do Morumbi do que de outro clube

Martín Fernandez, Estadão

12 de setembro de 2007 | 20h22

A contratação de Nilmar, sonho dos dirigentes e torcedores do São Paulo, está perto de ser fechada. O Internacional, principal rival do clube do Morumbi na luta para contratar o jogador, praticamente desistiu da briga. "É quase impossível", declarou o vice-presidente de futebol do clube gaúcho, Giovanni Luigi.No São Paulo, ninguém confirma nem desmente o acerto. Repete-se apenas a intenção de contar com o jogador, mas nos bastidores há a esperança de conseguir fechar o negócio até sexta-feira, quando se encerra o prazo de inscrições para o Campeonato Brasileiro - senão, Nilmar só poderia vestir a camisa tricolor em janeiro."O que existe é o nosso interesse e a indefinição do atleta", comentou o vice-presidente de futebol Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco. Ao saber que pessoas ligadas ao atacante davam como certo o acordo com o São Paulo, Leco sorriu: "Que bom, que bom. Tomara que se confirme."Nesta quarta-feira, a advogada Marisa Alija, que trabalhou no caso envolvendo Nilmar, o Corinthians e o Lyon, afirmou ao Estadão que o jogador está mais perto do São Paulo do que de qualquer outro clube. "Falei com o Nilmar recentemente e está quase tudo certo para ele jogar no São Paulo." Nilmar obteve sua liberação provisória junto ao Corinthians na Justiça do Trabalho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.