São Paulo apresenta Nildo nesta 5ª

O meia Nildo, que deixou o Sport Recife na semana passada, acertou com o São Paulo e será apresentado na quinta-feira. "Faz tempo que o São Paulo gostaria de contar com o Nildo e agora que ele está sem clube, tudo se acertou", afirmou nesta terça-feira Juvenal Juvêncio, diretor de futebol. Também na quinta, vai chegar o volante Ramalho, do Santo André.A diretoria negocia ainda com um atacante. Os nomes de Reinaldo, que já defendeu o clube e está no PSG da França; e Aloísio, que jogou no Goiás e está na Rússia, também são cotados. O lateral Júnior, o ex-palmeirense que deixou o Parma, pode ser anunciado nesta quarta-feira.Josenildo Caetano da Silva, o Nildo, completa 29 anos mês que vem. Tem 1,67m e 60 quilos. Nesta terça-feira, ele ainda não falava como jogador do São Paulo. "Estamos conversando. Espero definir tudo nos próximos dias", diz o jogador, por telefone. "Seria uma honra muito grande defender o São Paulo, mas gostaria de falar sobre o assunto apenas quando assinar." Há três anos, Nildo esteve perto de acertar com o São Paulo, mas um rompimento do ligamento cruzado no joelho direito impediu a negociação.Ele continuou no Sport, de onde saiu após seis anos, 256 jogos e 78 gols. Estava irritado com as cobranças da torcida, que considerava exageradas. Fez apenas três gols em 15 jogos do Brasileiro da Série B. "Conheço o Nildo. Já fui seu técnico e aceitei a indicação que veio da diretoria", disse Leão. "Ele perdeu um pouco da velocidade, mas ainda é um bom jogador", completou.Sem clube e recebendo salário que não ultrapassa R$ 20 mil, Nido se enquadra no tipo de jogador que o São Paulo tem procurado. Talvez não resolva os problemas técnicos do time, mas com certeza não aumentará os problemas financeiros do clube.Por essa política, a contratação de Aloísio, atacante de 29 anos, 1,88m e 78 quilos, ex-Goiás e Flamengo e atualmente no Rubin, time de Kasan, cidade localizada a 800 quilômetros de Moscou, na Rússia, fica difícil. Ele ganha o equivalente a R$ 250 mil mensais. O Inter-RS também quer o jogador. O presidente Marcelo Portugal Gouvêa não confirmava, ao contrário de outros diretores, o interesse por Aloísio e Reinaldo. "Quero um atacante mas não é nenhum desses dois."

Agencia Estado,

07 de setembro de 2004 | 18h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.