Filipe Araújo/AE
Filipe Araújo/AE

São Paulo busca 'mais um ou dois reforços', diz Gomes

Zagueiro e lateral-direito são as prioridades do técnico para a temporada; atacante Fernandão também negocia

AE, Agencia Estado

11 de janeiro de 2010 | 10h56

Depois de apresentar seis reforços na semana passada, o São Paulo segue atrás da contratação de jogadores para a temporada de 2010. O técnico Ricardo Gomes admitiu que a chegada dos novos atletas ainda não foi suficiente para suprir todas as necessidades do elenco.

"São bons reforços. O time está mais equilibrado, mas ainda temos a intenção de trazer mais um ou dois jogadores. Espero que o elenco possa se manter até o fim (da temporada). Isso é muito importante, ficar sem perdas", afirmou o treinador, em entrevista concedida ao site oficial do São Paulo, publicada nesta segunda-feira.

O São Paulo tenta fechar a contratação do atacante Fernandão, que negocia a sua liberação junto ao Goiás, e ainda sonha repatriar o lateral-direito Cicinho e o zagueiro Alex Silva, ex-jogadores do time do Morumbi que hoje defendem Roma e Hamburgo, respectivamente.

Nesta temporada, o São Paulo disputará o Campeonato Paulista, a Copa Libertadores e o Brasileirão. Apesar da predileção dos torcedores são-paulinos pelo torneio continental, Ricardo Gomes nega que irá dar mais atenção a ele do que às outras competições. "Todas serão prioridades. Entraremos no Campeonato Paulista com o poder de vitória e na Libertadores, que é um sonho".

O treinador também evitou lamentar o fato de o São Paulo ter fracassado na tentativa de conquistar o título nacional de 2009, objetivo que pareceu estar próximo de ser alcançado nas rodadas finais do Brasileirão. "A satisfação é de um trabalho bem feito. A gente fica sempre achando que faltou alguma coisa. O São Paulo, assim como o Cruzeiro, priorizou uma competição e teve um caminho árduo. Mas saímos de cabeça erguida", ressaltou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCRicardo Gomes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.