São Paulo cancela a venda de ingressos para a Libertadores

A diretoria do São Paulo anunciou nesta sexta-feira que a venda de ingressos para a partida contra o Estudiantes, pelas quartas-de-final da Copa Libertadores, prevista para a próxima segunda-feira, foi cancelada por causa da interdição do Estádio do Morumbi.O estádio foi interditado na última quarta-feira pela Prefeitura por falta de segurança, já que o clube havia descumprido um acordo firmado no ano passado, após um incêndio que atingiu parte da arquibancada durante a partida entre São Paulo e Corinthians. No documento, a diretoria do São Paulo se comprometia a fazer uma série de melhorias para garantir a segurança e acessibilidade do público no prazo de 300 dias - que terminou em 28 de fevereiro.Através do diretor Jurídico Kalil Rocha Abdalla, o São Paulo alega que todas as exigências do Contru, órgão de fiscalização da Prefeitura, foram atendidas. O clube pretende encaminhar um laudo técnico para solicitar a liberação do estádio.Antes de marcar uma nova data para a comercialização das entradas, o São Paulo aguardará uma resposta da Prefeitura para tentar a desinterdição do Morumbi. A partida contra o Estudiantes está marcada para o próximo dia 19 de julho. O time paulista precisa vencer por dois gols de diferença para garantir a classificação, já que no primeiro confronto foi derrotado por 1 a 0.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.