São Paulo confia na conquista do tetra da Libertadores

O São Paulo perdeu a primeira batalha, mas está vivo e em condições de ganhar a guerra. Foi com esse pensamento que os jogadores do time paulista reagiram à derrota por 2 a 1 para o Internacional, na noite desta quarta-feira, no Morumbi.Alguns deles criticaram o volante Josué, que com sua expulsão infantil logo aos 10 minutos de jogo complicou a situação da equipe, mas todos acham perfeitamente possível ganhar na próxima quarta (16), no Beira-Rio, o que dará ao clube o quarto título continental.?A final é disputada em dois jogos e o Inter ganhou a primeira guerra??, disse o ala-direita Souza. ?Agora, vamos para a segunda. Eles vieram aqui (no Morumbi) e ganharam. Por que não vamos ganhar lá???O jogador não concorda com as opiniões de que o time gaúcho foi melhor do que o São Paulo. ?Não é que o Inter foi superior. O problema é que perdemos um jogador com 10 minutos e isso complica. Foi muito desgaste e a voltamos cansados para o segundo tempo. Alguns jogadores chegaram ao limite??, reconheceu Souza.O atacante Leandro também reclamou, embora indiretamente, de Josué, pelo cartão vermelho que recebeu por dar uma cotovelada em Rafael Sóbis. ?Tivemos muito desgaste porque precisamos correr atrás do Inter??, afirmou. Mas ele também acha que dá para voltar do Beira-Rio com a taça de campeão. ?O time tem uma semana para se recuperar.??O zagueiro Edcarlos, autor do gol são-paulino, não é tão complacente como os companheiros. Para ele, a equipe precisa melhorar muito se quiser pensar em ser campeão. ?Se o time jogar novamente o futebol de hoje (quarta), não ganha??, disparou. O jogador, no entanto, acredita no poder de reação da equipe. ?Temos mais uma semana para trabalhar. Nessa hora, somos muito unidos. É preciso ter a cabeça no lugar. Claro que não era esse o resultado que a gente esperava, mas não temos de nos abater. Temos, sim, é de ir para o Sul e vencer.??Ricardo Oliveira entende que o fato de ter perdido por apenas um gol de diferença mantém a equipe na briga pelo título. ?Se a gente perdesse por dois gols, ficaria mais complicado. Com um gol de desvantagem, fica mais fácil. A derrota pesa, mas temos condições de reverter a desvantagem e vamos para Porto Alegre ganhar o título.??

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.