Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

São Paulo destaca dedicação e pés no chão após assumir a liderança

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 35 pontos, um a mais que o Flamengo

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

05 Agosto 2018 | 18h39

A comemoração do São Paulo após a vitória por 2 a 1 sobre Vasco, neste domingo, no Morumbi, foi quase de um título. Nas arquibancadas, muita festa e um sentimento de alívio, após ver o time carioca empatando e quase virando a partida. Ao final do jogo, os jogadores festejaram bastante o resultado, que colocou a equipe na liderança do Brasileirão, destacaram a dedicação demonstrada em campo e adotaram o discurso de manter os pés no chão.

+São Paulo bate o Vasco e assume a liderança do Brasileirão após três anos

+ TABELA - Classificação do Campeonato Brasileiro

“Fico contente por ganhar e ajudar minha equipe. Somos os primeiros, estamos felizes por isso, claro, mas temos que botar os pés no chão e seguir o trabalho sem muita euforia”, disse o atacante Tréllez, responsável pelo segundo gol tricolor. O zagueiro Bruno Alves destacou a dificuldade que o time teve para conseguir o resultado. “Fizemos um grande jogo. Sofremos um pouco e conseguimos mostrar força para vencer. Estão todos de parabéns”, analisou.

O atacante Everton, que acertou o cruzamento para o gol de Tréllez, lembrou que o time sentiu também o cansaço pela partida contra o Colón, quinta-feira, pela Copa Sul-Americana. “Tivemos um jogo na quinta muito puxado. O Vasco é uma boa equipe, mas lutamos e estamos de parabéns pela dedicação”, comentou.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 35 pontos, um a mais que o Flamengo, que perdeu para o Grêmio no sábado. A equipe comandada por Diego Aguirre volta a campo no domingo, para encarar o Sport, às 16h, em Recife. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.