São Paulo deve ficar sem o zagueiro Rodrigo

O zagueiro Rodrigo está com um pé fora do São Paulo. Seu contrato de empréstimo com o clube expira na quarta-feira, dia 31, e o Dínamo de Kiev, dono dos direitos econômicos sobre o atleta, não tem interesse em renovar o acordo por mais seis meses, que é o desejo do São Paulo."O Dínamo não vai emprestar novamente o Rodrigo. Estamos com um problema na zaga e ele já está há um ano fora. Ele só sai se o São Paulo pagar", disse Fábio Brito, representante do clube ucraniano no Brasil. Segundo o agente, o valor estimado do zagueiro é de US$ 4 milhões (R$ 9,5 milhões) e o São Paulo tem prioridade de compra. "Esse é um valor negociável, claro, mas o São Paulo precisa formalizar uma proposta", afirmou Brito, que aguarda para essa semana uma posição do clube paulista.No São Paulo, a hipótese de compra ainda não é considerada. "Vamos insistir no reempréstimo. Acreditamos que o Dínamo vai liberá-lo por mais seis meses", disse o diretor de futebol, João Paulo Jesus Lopes. "Se não aceitarem, ficará muito difícil que ele permaneça".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.