São Paulo domina clássico e bate o Corinthians por 3 a 1

O São Paulo confirmou neste domingo a invencibilidade de agora 12 jogos, ou quase quatro anos, sobre o arqui-rival Corinthians, ao vencer por 3 a 1 o clássico disputado no Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP). Uma vitória que leva o time aos 18 pontos, injeta ânimo nos jogadores e em sua torcida para a estréia na Copa Libertadores, na quarta, contra o Audax Italiano, no Chile.Para o time corintiano, porém, a derrota traz problemas. Apesar de continuar próximo da briga pela liderança do Campeonato Paulista, pois está com 15 pontos, a equipe comandada pelo técnico Emerson Leão terá de agüentar a pressão por não ter acabado com o jejum e pelos problemas, principalmente o nervosismo, apresentados no jogo.Esse mesmo nervosismo ajudou o São Paulo a vencer. Instável, o Corinthians quase não criou jogadas de ataque - no segundo tempo quase não chutou a gol - e cedeu muitos espaços na marcação. O time do técnico Muricy Ramalho sempre atacou com força e mandou no jogo. Criou diversas chances e conseguiu aproveitar a primeira aos 29 minutos. Na entrada da área, Lenilson dominou passe de Aloísio, se ajeitou e chutou a bola, rasteira, no canto esquerdo do goleiro Marcelo, que ainda tentou defender.Ainda no fim do primeiro tempo, Rogério Ceni, em cobrança de pênalti (cometido por Marquinhos em Aloísio), ampliou o placar para 2 a 0. Para o segundo tempo, esperava-se que a partida melhorasse tecnicamente, apesar do campo molhado pela chuva. Mas continuou truncada e o São Paulo mais à frente. Tanto que, aos 12 minutos, Leandro, de carrinho, completou passe de Aloísio pelo lado direito, na área.Depois da expulsão de Magrão aos 31 minutos (cartão vermelho direto) por uma falta violenta o Corinthians foi para cima, mesmo com um a menos, e conseguiu descontar, com Wilson, aproveitando cruzamento de Arce e uma falha de Rogério Ceni (a bola passou por baixo do seu braço) para descontar. Mesmo com esse gol, o São Paulo administrou o jogo e garantiu mais três pontos.Aos corintianos, resta a reclamação com o time, que perdeu chances de marcar nos acréscimos, e com o trio de arbitragem por erros em pelo menos três lances de impedimento no primeiro tempo em que seus jogadores não estavam impedidos. Talvez marcasse gols. A expulsão de Jadilson, aos 47 minutos, foi correta, por falta violenta. Mas a vitória são-paulina foi justa.Ficha técnica:São Paulo 3 x 1 CorinthiansSão Paulo - Rogério Ceni; Alex Silva, André Dias e Miranda; Reasco, Josué, Fredson, Lenilson e Jadilson; Leandro (Rafinha) e Aloísio (Hugo). Técnico: Muricy Ramalho.Corinthians - Marcelo; Marinho, Marquinhos (Jailson) e Betão; Rosinei, Marcelo Mattos, Magrão, William (Daniel) e Elton (Arce); Wilson e Roger. Técnico: Emerson Leão. Gols - Lenílson, aos 29, e Rogério Ceni (pênalti), aos 44 minutos do primeiro tempo; Leandro, aos 12, e Wilson, aos 36 minutos do segundo tempo. Árbitro - Paulo César de Oliveira. Cartão amarelo - Aloísio, Josué, Magrão, Marquinhos e Miranda. Cartão vermelho - Jadilson e Magrão. Público - 32.653 pagantes. Renda - R$ 557.745,00. Local - Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

Agencia Estado,

11 de fevereiro de 2007 | 18h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.