São Paulo e Corinthians ficam no empate

São Paulo e Corinthians empataram por 1 a 1, nesta segunda-feira à noite, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. O resultado foi bom para os corintianos, que recuperaram um ponto do jogo que tinham perdido, no dia 7 de setembro (vitória são-paulina por 3 a 2), e que acabou anulado por causa do escândalo na arbitragem.Além disso, com o empate no clássico, o Corinthians aumentou ainda mais a liderança no Brasileiro. Chegou aos 67 pontos, contra 60 do Goiás, que é o segundo colocado, a 9 rodadas do final. Já o São Paulo, que não tem mais grandes pretensões no campeonato, passou a ter 45 pontos.A boa notícia é que a polícia venceu a guerra contra a violência e não houve ocorrências graves no Morumbi, que teve público de quase 27 mil pessoas. Depois da morte de três torcedores paulistas há uma semana, a PM montou uma operação de guerra para o clássico desta segunda-feira, com cerca de 2.500 agentes espalhados pela cidade. Sem Cicinho, Josué e Lugano, todos suspensos, o técnico Paulo Autuori escalou o São Paulo no 3-5-2 ? esquema da conquista da Libertadores. Já o Corinthians não contou com Marinho, Marcelo Mattos, Rosinei e Tevez, todos vetados por causa do desgaste físico. Aí, Antônio Lopes optou por reforçar o sistema defensivo.Mesmo assim, o jogo era aberto, com chances para os dois lados. Mas quem fez o primeiro gol foi o Corinthians. Aos 41 minutos, Nilmar sofreu falta de Fabão. Coelho bateu na cabeça de Carlos Alberto, que marcou 1 a 0.No segundo tempo, Autuori desmanchou o 3-5-2 e voltou ao 4-4-2 ao tirar o zagueiro Alex. Hernanes entrou no time e foi para a lateral-direita, deslocando Souza para o meio-de-campo. Antônio Lopes respondeu com o titular Marcelo Mattos no lugar do jovem Nilton. Melhor para o São Paulo, que empatou logo aos 6 minutos. Fabrício fez pênalti em Mineiro, que Amoroso bateu e marcou: 1 a 1.Depois do empate, o São Paulo teve as melhores chances, mas parou na excelente atuação do goleiro Fábio Costa. Cansado, o Corinthians preferiu garantir o resultado e apenas arriscou alguns contra-ataques.No fim, com o empate no clássico e a grande vantagem na liderança do campeonato, a torcida corintiana saiu do Morumbi gritando: ?É campeão!?

Agencia Estado,

24 de outubro de 2005 | 22h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.