São Paulo empata e perde chance de entrar no G-4

Equipe do Morumbi fica no 1 a 1 com o Figueirense em Santa Catarina e cai para a sexta posição

Rafael Vergueiro, estadao.com.br

30 de julho de 2008 | 23h47

O São Paulo perdeu na noite desta quarta-feira uma boa oportunidade de entrar no G-4 do Campeonato Brasileiro, o grupo dos quatro primeiros colocados que garantirão uma vaga na Copa Libertadores de 2009. Em partida no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC), a equipe paulista empatou com o Figueirense por 1 a 1, em jogo válido pela 16ª rodada da competição.Veja também: Muricy diz que São Paulo poderia estar mais perto dos líderes Classificação Calendário / ResultadosCom o resultado, o time do Morumbi caiu para a sexta posição do Brasileiro, com 27 pontos. Já o clube de Santa Catarina está na 11ª posição e tem 21 pontos conquistados até o momento.No confronto desta quarta, o São Paulo entrou em campo em busca do gol, mas foi castigado logo no início devido à fragilidade do seu setor defensivo. Logo aos sete minutos, em rápido contra-ataque, Rafael Coelho recebeu pela direita e cruzou rasteiro com perfeição para Tadeu, que sem nenhuma marcação só teve o trabalho de empurrar a bola para o gol.Atrás do marcador, a equipe comandada pelo técnico Muricy Ramalho tentou durante toda a partida igualar o placar. No primeiro tempo, Dagoberto e Aloísio desperdiçaram excelentes oportunidades, com o zagueiro do Figueirense Anderson Luís salvando duas vezes em cima da linha.Já no segundo tempo, os visitantes continuaram a pressão e Dagoberto chegou a acertar uma bola no travessão em bela jogada. A marcação do Figueirense era forte e o gol do São Paulo só saiu em um lindo lance do meia Hugo. Aos 34 minutos, ele arriscou de fora da área e a bola fez uma bonita curva antes de balançar as redes de Wilson.Antes do apito final do árbitro, o São Paulo mostrou força e quase virou o marcador, mas esbarrou na falta de pontaria dos atacantes e em uma boa atuação do goleiro adversário.Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo recebe o Vasco no próximo domingo, às 16 horas. Já o Figueirense joga um dia antes fora de casa contra o Náutico, às 18h20.FORTE MARCAÇÃOO Figueirense, ainda abalado pela goleada sofrida diante do Grêmio por 7 a 1 na semana passada no Orlando Scarpelli, entrou em campo com muita vontade e disposto a evitar gols do forte ataque do São Paulo. Além disso, o time de PC Gusmão mostrou força nos contra-ataques, o que tornou a partida complicada para os p Figueirense1Wilson    ; Anderson Luís, Bruno Perone, Bruno Aguiar      e William Matheus; Magal     , Jackson, Marquinho      e Cleiton Xavier (Leandro Carvalho); Rafael Coelho (Edu Sales) e TadeuTécnico: PC GusmãoSão Paulo1Rogério Ceni; Éder (Éder Luis), Aislan e André Dias     ; Zé Luís     , Richarlyson, Joílson, Hugo      e Jorge Wagner; Dagoberto e AloísioTécnico: Muricy RamalhoGols: Tadeu, aos 7 minutos do primeiro tempo, e Hugo, aos 34 minutos do segundo tempoÁrbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa/PR)Renda: R$ 124.982,50Público: 12.288Estádio: Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)aulistas.Após levar um gol logo no início, o São Paulo encontrou dificuldades para penetrar na área dos mandantes. Quando chegava, esbarrava na falta de sorte e nos erros dos atacantes Dagoberto e Aloísio, que se mostravam incompetentes na hora da finalização.A chance mais clara do gol são-paulina na etapa inicial esteve justamente nos pés de Aloísio, aos 26 minutos. Após Hugo quase fazer um golaço de bicicleta, ele teve o gol aberto para empatar, mas pegou mal na bola e permitiu o corte da defesa em cima da linha. Já no segundo tempo, apesar da bola na trave de Dagoberto aos sete minutos, em jogada individual, a marcação dos mandantes era ainda mais forte e o São Paulo parecia que, apesar da pressão, não chegaria à igualdade. Mesmo a entrada do atacante Eder Luís no lugar de Eder não melhorou muito o desempenho da equipe.O gol de empate do clube do Morumbi só saiu em um belo lance de Hugo, que vem se destacando nas últimas partidas como um dos principais jogadores da equipe. Em chute de longe, ele surpreendeu o goleiro Wilson e livrou o São Paulo de uma derrota que seria muito ruim em termos de classificação.Depois de empatar, o time de Muricy ainda exerceu mais 13 minutos de pressão sobre o adversário, mas a virada não veio e a equipe não conseguiu finalmente no G-4. A missão fica para a próxima rodada. DESEMPENHOO resultado em Santa Catarina mostra que os comandados de Muricy Ramalho têm uma atuação regular fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Até agora, fora do Morumbi, foram duas vitórias, quatro empates e duas derrotas.Nas próximas rodadas, a equipe paulista tem a chance de conseguir uma boa arrancada, pois pega o Vasco em casa e depois o Fluminense no Maracanã, sendo que os dois times cariocas estão na zona de rebaixamento. Na seqüência, o jogo é contra o Goiás no Morumbi, time que também luta para deixar as últimas posições na tabela de classificação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.