Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

São Paulo enfrenta o lanterna Goiás e pode assumir a liderança do Brasileirão

Equipe tricolor está a um ponto do líder Atlético-MG e joga nesta quinta-feira o duelo válido ainda pela primeira rodada

Guilherme Amaro, O Estado de S.Paulo

03 de dezembro de 2020 | 05h00

O São Paulo entra em campo nesta quinta-feira contra o Goiás podendo assumir a liderança do Campeonato Brasileiro. Se o time tricolor vencer o duelo, válido ainda pela primeira rodada e que foi adiado em razão do surto de coronavírus no elenco goiano, passará o líder Atlético-MG. Apenas um ponto separa as duas equipes (42 a 41). Um empate deixaria o São Paulo em segundo lugar por ter menos vitórias do que o rival mineiro.

Em boa fase, sem perder há 14 partidas, o São Paulo terá força máxima para enfrentar o Goiás. O zagueiro Bruno Alves volta a ficar à disposição do técnico Fernando Diniz após ser desfalque nos últimos dois jogos porque um familiar contraiu coronavírus. O defensor realizou dois testes e não foi infectado pela covid-19. O equatoriano Arboleda deve ser titular mesmo com o retorno de Diego Costa, que cumpriu suspensão no confronto com o Bahia.

A última vez que o São Paulo teve uma invencibilidade tão grande na competição foi em 2008, justamente no último título nacional conquistado, quando ficou 18 partidas sem ser derrotado. O técnico Fernando Diniz, porém, prefere não pensar nisso. “Não estamos presos a esse tipo de marca, chega mais para mim nas entrevistas coletivas. Temos que olhar para o nosso campeonato e para os adversários.”

Enquanto o São Paulo busca assumir a ponta da tabela, o Goiás luta para deixar a lanterna do Brasileirão. A equipe esmeraldina tem quatro pontos a menos que Botafogo e Coritiba, 19.º e 18.º colocados, respectivamente (16 a 20). O time tem sido comandado por dois técnicos, Augusto César e Glauber Ramos. O Goiás vem de derrota para o Grêmio e não terá o zagueiro David Duarte e o volante Miguel Figueira, suspensos.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS X SÃO PAULO

Goiás: Tadeu; Taylon, Heron, Fábio Sanches e Jefferson; Ariel Cabral, Breno, Gustavo Blanco e Shaylon; Villalba e Fernandão. Técnico: Glauber Ramos.

São Paulo: Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Igor Gomes e Gabriel Sara; Luciano e Brenner. Técnico: Fernando Diniz. 

Juiz: Caio Max Augusto Vieira (RN). 

Local: Estádio da Serrinha. 

Horário: 19h. 

Na TV: Pay-per-view.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.