São Paulo escala time de novatos

O São Paulo vai entregar aos novatos a missão de levar o time à próxima etapa da Copa Sul-Americana e de ajudar a conseguir o sonhado prêmio de cerca de US$ 800 mil que o campeão acumulará. O técnico Roberto Rojas optou por poupar os principais jogadores do elenco e escalar uma base de jovens na estréia da competição, nesta quarta-feira, às 21h40, contra o Grêmio, em Porto Alegre. Sorte de Fábio Santos, de apenas 17 anos, lateral-esquerdo que chegou das categorias de base com ótimas recomendações. "Estou meio assustado, mas confiante", disse o jogador, que ganha vaga no time titular. Enquanto isso, Luís Fabiano, Kaká, Ricardinho, Fabiano, Gustavo Nery e Rico nem viajaram para Porto Alegre.A equipe terá, em sua maioria, jogadores formados no próprio clube. A dupla de zaga, Jean e Júlio Santos, nasceu no Morumbi, além do experiente goleiro Rogério Ceni. Marco Antônio, que atuará no meio-campo, foi recentemente promovido, mesma situação dos atacantes Diego Tardelli e Kleber, que enfrentarão o Grêmio.Fábio Santos é a nova aposta da comissão técnica. A expectativa, no clube, é a de que, em breve, ele seja titular. Fabiano, o dono da posição, tem contrato só até o fim do ano e interessa ao Barcelona. E Gustavo Nery, que está atuando na defesa e no meio, pode deixar o São Paulo.Quem conhece Fábio Santos diz que se trata de um atleta com bom potencial. Resta saber se vai dar certo no profissional. "Meu forte é o apoio ao ataque", revela o jogador, que vem de família de classe média, iniciou faculdade de Educação Física, mas foi obrigado a parar por causa do futebol. Os pais, seu Nando e dona Nice, são fanáticos são-paulinos e ficarão ligados na tevê, nesta quarta-feira, para ver a estréia do filho numa partida oficial pela equipe principal do São Paulo.Negócios - O Milan promete fazer nova proposta - de US$ 10 milhões - para tentar levar Kaká para a Itália. Os dirigentes são-paulinos querem, porém, US$ 15 milhões.

Agencia Estado,

29 de julho de 2003 | 20h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.