Renata Lutfi/São Paulo FC
Renata Lutfi/São Paulo FC

São Paulo 'esquece' má fase em preparação para clássico

Time de Dorival Junior exalta tranquilidade e otimismo após vencer e subir duas posições na tabela do Brasileirão

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

20 de setembro de 2017 | 07h00

O clima no São Paulo nesta semana de clássico com o Corinthians está bem diferente das semanas anteriores, enquanto o time estava na vice-lanterna do Campeonato Brasileiro. Entre os motivos, o principal é o triunfo sobre o Vitória por 2 a 1 do último domingo, que fez o clube tricolor subir duas posições na tabela.

Apesar de ainda estar na zona de rebaixamento, o clima é de otimismo. "Iniciar uma semana depois de uma vitória fora de casa é diferente. Jogando bem, foi ainda melhor", explicou o volante Petros. "Isso dá moral e confiança ao grupo. Até o semblante de todos está diferente. A vitória dá tranquilidade e a gente precisa se acostumar a isso."

Para o meia-atacante Marcos Guilherme, o novo astral no clube é favorável à preparação para o clássico de domingo. "Estamos mais soltos após a vitória, mais confiantes. É claro que estamos ainda numa situação incômoda, e o clássico será um divisor de águas para nós. Vamos treinar focados para fazer um grande jogo", disse o jogador.

O capitão Hernanes pediu concentração. "Precisamos dos três pontos no domingo e minha avaliação é que a equipe vinha num processo de evolução, mas pecava em detalhes, na ansiedade de matar o resultado, por falta de concentração. Agora, estamos mantendo a organização e estamos tendo consistência em campo", avaliou o profeta.

Além da vitória, outro motivo que fez o clima melhorar no São Paulo foi que o técnico Dorival Junior terá à disposição praticamente todo seu elenco para o jogo contra o Corinthians. Jogadores pendurados, como Lucas Pratto, Petros e Hernanes, não receberam cartão amarelo e poderão jogar. Edimar e Jucilei retornam após cumprirem suspensão.

Com exceção de Wellington Nem e Morato, que passaram por cirurgia e só poderão voltar a campo no ano que vem, e Renan Ribeiro, que trata uma tendinite no joelho direito, o Reffis do São Paulo está vazio. Atletas que estavam em recuperação, como Araruna e Bruno, já treinam normalmente com o restante do grupo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.