Marcos Bezerra/ Futura Press
Marcos Bezerra/ Futura Press

São Paulo estipula retorno de Ceni para jogo com o Atlético-MG

Goleiro tenta se recuperar de lesão no pé-direito sofrida na quarta

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

30 de outubro de 2015 | 15h27

O goleiro do São Paulo, Rogério Ceni, deve voltar a atuar no jogo contra o Atlético-MG, no dia 18, ou no mais tardar das hipóteses, na partida seguinte, diante do Corinthians, fora de casa, também pelo Brasileirão. A comissão técnica do clube descarta a possibilidade da ruptura do ligamento tíbio-fibular do pé direito demandar um tempo maior de recuperação para o jogador de 42 anos.

Ceni teve a lesão detectada em exame de ressonância magnética na tarde da última quinta-feira. O goleiro se machucou ainda no primeiro minuto da derrota por 3 a 1 para o Santos, na Vila Belmiro, pela Copa do Brasil, e já iniciou o trabalho em tempo integral para tentar se recuperar. A ausência dele é certa ao menos para os confrontos contra o Sport, no Morumbi, e Cruzeiro, no Mineirão.

A possibilidade do retorno em até 20 dias possibilita ao goleiro atuar pelo menos mais duas vezes no Morumbi antes de se despedir do futebol. O São Paulo tem preparado ações para marcar a despedida de Ceni, como o lançamento da camisa bordô utilizada pelos jogadores em três ocasiões. No calendário da equipe, depois de Atlético-MG e Corinthians, os compromissos serão contra o Figueirense, em casa, e Goiás, no Serra Dourada, pela última rodada.

Enquanto Rogério Ceni se recupera o titular será Dênis. "Acho que o Denis é o jogador que está esperando há mais tempo essa oportunidade, embora o Renan (Ribeiro) tenha ido muito bem quando utilizado. Não quer dizer que o Denis será o titular daqui para frente, mas por justiça, é o momento dele ter essa oportunidade", explicou nesta sexta-feira o técnico Doriva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.