São Paulo goleia Grêmio em Porto Alegre

A garotada do São Paulo pôs o fraco time do Grêmio na roda, venceu, por 4 a 0 e perdeu a oportunidade de ter saído de Porto Alegre com uma goleada histórica. O destaque da partida foi o atacante Kleber, de 19 anos, que teve atuação de gala, a melhor com a camisa tricolor. Fez um gol, deu passe para os outros três e, agora, entra na briga para ser o parceiro de Luís Fabiano no ataque. O resultado deixa o time em situação privilegiada no Grupo 3 da fase preliminar da Copa Sul-Americana. Com 3 pontos, o São Paulo deve se garantir na etapa seguinte do torneio com um empate diante do Vasco, no Morumbi, dia 4 de setembro. Mesmo jogando sem Luís Fabiano, Kaká, Ricardinho, Gustavo Nery e Fabiano, poupados pelo técnico Roberto Rojas, a equipe paulista não deu bola para o adversário, que está em crise e tem elenco medíocre. Os jovens não decepcionaram. Fábio Santos, de 17 anos, foi bem pela lateral-esquerda. Teve, por exemplo, participação importante no primeiro gol, marcado por Fábio Simplício, logo no início. Diego Tardelli também mostrou eficiência. Mas o maestro, mesmo, foi Kleber, que fez 2 a 0, antes do intervalo. O jogo, que começou fácil, ficou ainda melhor para o São Paulo após a expulsão do gremista Adriano, por falta violenta em Kleber, aos 23 minutos. A equipe continuou mandando na partida e fez mais dois gols na segunda etapa, com Simplício e Diego. Revoltados com a fase do Grêmio ? penúltimo colocado do Brasileiro ? vários torcedores invadiram o campo para protestar e tiveram de ser retirados pelos policiais. O São Paulo volta a campo no sábado para enfrentar o Inter, pelo Brasileiro. A diretoria tenta negociar Jorginho Paulista com o Grêmio e avisa que não vende Kaká para o Milan, que cogita fazer proposta de US$ 10 milhões.

Agencia Estado,

31 de julho de 2003 | 00h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.