São Paulo goleia Rio Claro com três gols de Luis Fabiano

Com nove pontos, time tricolor está na liderança isolada do Grupo A do Paulistão

Agência Estado

30 de janeiro de 2014 | 00h06

SÃO PAULO - O São Paulo goleou o Rio Claro por 6 a 3, na noite desta quarta-feira, no Morumbi, pela quarta rodada do Paulistão. Para somar a terceira vitória seguida no campeonato, todas em casa, contou com três gols do artilheiro Luis Fabiano e atuação também decisiva do atacante Osvaldo - Ademilson, Ewandro e Antonio Carlos completaram o placar são-paulino.

Com isso, o São Paulo conseguiu aproveitar a sequência de três jogos disputados no Morumbi, somando três vitórias diante de Mogi Mirim, Oeste e Rio Claro. Como tinha perdido na estreia para o Bragantino, está com nove pontos, na liderança isolada do Grupo A do Paulistão. Agora, o desafio são-paulino é o clássico de domingo contra o Palmeiras, no Pacaembu.

O JOGO

Lanterna do Grupo D, com quatro pontos somados, o Rio Claro foi uma presa fácil para o São Paulo no Morumbi. Empolgado pelos dois gols que marcou na vitória por 2 a 1 sobre o Oeste no último domingo, o zagueiro Antonio Carlos criou a primeira boa chance nesta quarta-feira já aos dois minutos, quando chutou cruzado e assustou o goleiro, mandando para fora.

Na vitória sobre o Oeste, Luis Fabiano perdeu um pênalti. Mas ele se redimiu nesta quarta-feira, ao marcar três vezes e assumir a artilharia do Paulistão, agora com quatro gols. Para isso, contou com a ajuda fundamental do também atacante Osvaldo, que, voltando à boa forma, teve participação direta nos três gols do companheiro na etapa inicial.

O primeiro gol saiu aos 11 minutos, quando Osvaldo acertou um forte chute e o goleiro Cléber Alves rebateu para o meio da área, onde Luis Fabiano estava sozinho, com espaço para dominar a bola e tocar com calma para as redes. Com a vantagem, o São Paulo ampliou seu domínio em campo, sem dar chances para um assustado Rio Claro no gramado do Morumbi.

Assim, o placar foi ampliado aos 16 minutos, quando Luis Fabiano recebeu um ótimo passe de Osvaldo, driblou o goleiro com tranquilidade e tocou para o gol vazio. A parceria entre os dois atacantes voltou a funcionar muito bem aos 28. Dessa vez, Osvaldo fez boa jogada e rolou a bola para Luis Fabiano, que chutou da entrada da área e abriu 3 a 0 para o São Paulo.

Ao conseguir tamanha vantagem em apenas 28 minutos de jogo, o São Paulo reduziu o ritmo no restante do primeiro tempo, talvez poupando energia neste começo de temporada. Nem assim o Rio Claro foi capaz de ameaçar o goleiro Rogério Ceni, que voltou ao time nesta quarta-feira, após ter sido desfalque na rodada passada, quando estava com dores no joelho direito.

No intervalo, o técnico Muricy Ramalho deve ter cobrado os jogadores para retomarem o mesmo ritmo dos primeiros 30 minutos de jogo. Assim, o São Paulo voltou pressionando em busca de mais gols. Aos dois, Osvaldo quase marcou em jogada individual. E aos cinco, Luis Fabiano tentou marcar de cabeça, mas o goleiro fez uma ótima defesa.

O quarto gol são-paulino, porém, não teve participação de Luis Fabiano ou de Osvaldo. Aos 11 minutos, Paulo Henrique Ganso fez jogada genial e deixou Alvaro Pereira livre para cruzar para o meio da área, onde Ademilson apareceu livre e só empurrou para as redes. Depois disso, o time ainda continuou criando chances, mas já sem o mesmo ímpeto do começo.

Do outro lado, o Rio Claro só conseguiu descontar com uma ajudinha do adversário. Aos 25 minutos, Alvaro Pereira tentou cortar o cruzamento e fez gol contra. Depois, porém, o São Paulo fez outro, em jogada justamente dos dois jogadores que substituíram Osvaldo e Luis Fabiano: Douglas mandou a bola para o meio da área e Ewandro marcou o quinto aos 35.

O São Paulo relaxou no final. Aí, o Rio Claro se aproveitou para diminuir com os gols de Léo Costa, aos 39, e André Luís, aos 46. Mas, para terminar a noite são-paulina comemorando, Antonio Carlos ainda marcou mais um, já aos 48 minutos, definindo a goleada por 6 a 3 no Morumbi.

FICHA TÉCNICA:

SÃO PAULO 6 X 3 RIO CLARO

SÃO PAULO - Rogério Ceni; Luis Ricardo, Rodrigo Caio, Antonio Carlos e Alvaro Pereira; Wellington, Maicon e Paulo Henrique Ganso (Boschilia); Ademilson, Osvaldo (Douglas) e Luis Fabiano (Ewandro). Técnico: Muricy Ramalho.

RIO CLARO - Cléber Alves; Carlinhos, Alex Bruno, Marcos Vinícius e Anderson Luís; Rodrigo Celeste (Nando Carandina), Samuel, Léo Costa, Robson e Patrik (André Luís); Alex Afonso (Caio Vinícius). Técnico: Fahel Júnior.

GOLS - Luis Fabiano, aos 11, aos 16 e aos 28 minutos do primeiro tempo; Ademilson, aos 11, Alvaro Pereira (contra), aos 25, Ewandro, aos 35, Léo Costa, aos 39, André Luís, aos 46, e Antonio Carlos, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Luiz Vanderlei Martinucho (SP).

CARTÕES AMARELOS - Wellington, Léo Costa, Paulo Henrique Ganso, Anderson Luís e Alex Bruno.

RENDA - R$ 146.820,00.

PÚBLICO - 5.895 pagantes.

LOCAL - Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.