São Paulo inaugura novo CT no sábado

O São Paulo vai inaugurar neste sábado, em Cotia, o Centro de Formação de Atletas Presidente Laudo Natel, a maior e mais recente aposta no que a diretoria considera ser a vocação e a salvação do clube: a produção de jogadores. Com 10 campos, alojamento para 100 jogadores, vestiários e prédio de administração, a obra custou R$ 5 milhões. Dinheiro que qualquer clube consegue com a venda de um jogador médio para a Europa. O atacante Kléber, por exemplo, rendeu isso ao São Paulo, com sua ida para a Ucrânia."Considero essa a obra mais importante da minha gestão. É algo que vai ficar para sempre, que foi incorporado ao patrimônio do clube", festeja o diretor de futebol Juvenal Juvêncio. Ao apostar na grife São Paulo, a diretoria espera atrair jogadores novos, ainda sem procuradores. "Nós achamos que se houver uma oferta semelhante de dois clubes o garoto preferirá ficar no clube que lhe dá mais garantias", diz Juvenal. Não é à-toa que a diretoria assinou um convênio com uma escola de Cotia, onde todos os jogadores estudarão.Os times de base também estão sendo reformulados, com a contratação de jogadores como o zagueiro Gustavo Cazão, do Taquaritinga, e do atacante Correia, do Corinthians. "Com os preços que se praticam hoje é difícil fazer futebol profissional. Por isso precisamos de planejamento e da busca constante de novos jogadores", afirma Juvenal Juvêncio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.