São Paulo joga de olho na Libertadores

É inevitável. Mesmo tendo o Botafogo, líder do Campeonato Brasileiro, pela frente, às 18h10, no Morumbi, o São Paulo está muito mais preocupado com o River Plate, da Argentina, adversário nas semifinais da Copa Libertadores. Por isso, o técnico Paulo Autuori poupa pelo menos quatro titulares - Júnior, Mineiro, Danilo e Luizão - com vistas ao confronto da próxima quarta-feira, o mais importante do ano para o time. "Nesse momento, a nossa prioridade é a Libertadores. Estamos numa semi, com cara de final", afirma o treinador. "Isso fica claro até entre os torcedores. Quarta-feira, o público será muito maior do que contra o Botafogo."Autuori admite que poupar jogadores tem prejudicado a campanha no torneio nacional - nessas condições, o time perdeu para o Vasco e empatou com o Cruzeiro -, mas a preocupação é não desgastar o elenco reduzido - Grafite está lesionado e quatro jogadores estão na seleção brasileira. "Não tivemos resultados no Brasileiro, mas estamos tendo na Libertadores", diz, confiante no grupo. "Quem jogar tem condições de vencer o Botafogo."Para aliviar suas preocupações, Autuori recebeu a notícia da contratação do meia-atacante Amoroso, de 30 anos, que assinou contrato até o fim do ano. O ex-jogador do Guarani, Flamengo, Verdy Kawasaki, Udinese e Málaga deve estrear contra o River Plate, quarta-feira.ATAQUE NOVO - Contra o Botafogo, a principal novidade do São Paulo está no ataque. Davi, ex-Paulista, fará o primeiro jogo como titular ao lado de Roger. "Ainda não atuamos juntos, mas nos conhecemos bem, nos enfrentamos muito nas categorias de base", comenta Davi. "Quero marcar meu primeiro gol no Morumbi pelo São Paulo", diz Roger, que já balançou as redes seis vezes no Brasileiro - cinco pela Ponte Preta. "Preciso marcar para não perder a artilharia."Paulo Autuori só não sabe que esquema tático mandará a campo. Se mantiver a escalação com três zagueiros, Flávio joga ao lado de Lugano e Fabão. Caso decida pela formação com quatro homens no meio-campo, Marco Antônio será titular. Hernandes e André disputam vaga na lateral-esquerda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.