São Paulo joga favoritismo no clássico para o Palmeiras

'Pela primeira vez teremos de jogar contra alguém que está num momento melhor', afirma o goleiro Rogério Ceni

Redação,

13 de março de 2008 | 11h25

O São Paulo jogou o favoritismo do clássico no Campeonato Paulista para o Palmeiras. Para o goleiro Rogério Ceni, a equipe de Vanderlei Luxemburgo está em melhor momento e possui um elenco com muitos jogadores de qualidade. O duelo entre as duas equipes acontece neste domingo, às 16 horas, em Ribeirão Preto. Veja também: Ouça os gols da vitória do São Paulo Luxemburgo quer manter 'boa seqüência' diante do São Paulo Confusão marca venda de ingressos para o clássico em Ribeirão Preto "Nossa situação está muito complicada, pois perdemos jogadores por contusões e cartões amarelos", reclamou Rogério Ceni após a vitória sobre o Grêmio Barueri. "Pela primeira vez teremos de jogar contra alguém que está num momento melhor que o nosso. Eles são os favoritos." Rogério destacou que o Palmeiras virá ainda mais forte para encarar o São Paulo, uma vez que terá os retornos de Valdivia, Diego Souza e Marcos - os atletas cumpriram suspensão na vitória do time de Palestra Itália sobre a Ponte Preta, na noite desta quarta-feira. Quem também está preocupado com o clássico é o técnico Muricy Ramalho. O treinador não poderá contar com o zagueiro Miranda e o atacante Dagoberto, que receberam o terceiro amarelo contra o Barueri e estão suspensos. "Vamos ver quem estará à disposição para jogar. Fica difícil arrumar o time assim. Nesse caso, eles [Palmeiras] levam vantagem." Muricy, pelo menos, poderá contar com o retorno do atacante Aloísio, que cumpriu suspensão contra o Barueri. O zagueiro André Dias, que se recupera de uma lesão na coxa esquerda, também pode voltar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.