Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

São Paulo lamenta chances e mostra desânimo após derrota

Tricolor perde muitos gols em revés para o Santos no Morumbi

CIRO CAMPOS, O Estado de S. Paulo

22 de outubro de 2015 | 00h45

O São Paulo saiu de campo rapidamente e desanimado depois da derrota por 3 a 1 para o Santos, nesta quarta-feira, no Morumbi, pela Copa do Brasil. Poucos jogadores quiseram falar com os repórteres e o discurso comum foi de resignação pela dificuldade em reverter o placar e conseguir a classificação para a final da Copa do Brasil, título inédito para o clube.

"Agora ficou difícil para a gente. A bola não quis entrar e não foi o nosso dia", afirmou o volante Rodrigo Caio. A última chance de título na temporada ficou distante para a equipe e especialmente para Rogério Ceni, que busca encerrar a carreira como campeão. "Vamos tentar o que podemos fazer no segundo jogo. Se aproveitarmos a metade das chances que tivemos, podemos fazer um bom jogo", comentou o jogador de 42 anos.

No segundo tempo o técnico Doriva fez o time avançar e colocou em campo dois atacantes de área. O titular Luis Fabiano teve a companhia de Alan Kardec. A dupla levou perigo, porém perdeu muitas chances e não conseguiu amenizar a desvantagem construída logo no começo da etapa final.

Quem mais lamentou a derrota foi Ganso. O camisa 10 teve a chance de virar a partida no primeiro tempo, mas desperdiçou. "Vamos ter que jogar tudo para o segundo jogo", disse. O São Paulo entra em campo na próxima quarta-feira, na Vila Belmiro, com a obrigação de vencer por três gols de diferença um rival que tem uma sequência de 11 vitórias seguidas como mandante no Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.