Filipe Araújo/AE
Filipe Araújo/AE

São Paulo muda esquema tático no primeiro coletivo de 2010

Técnico Ricardo Gomes testou o 4-4-2 com Léo Lima e Marcelinho Paraíba entre os jogadores titulares

AE, Agencia Estado

10 de janeiro de 2010 | 19h45

O esquema de 2009, com três zagueiros, foi sacrificado e dará lugar ao tradicional 4-4-2, com dois laterais em vez dos alas. Essa é a primeira mudança que Ricardo Gomes faz no São Paulo para 2010. No primeiro treino coletivo do ano, neste domingo, o técnico esboçou a nova formação do São Paulo.

Dos reforços contratados, Léo Lima e Marcelinho Paraíba ganharam a condição de titulares no meio-campo. De baixo de muito sol, Ricardo Gomes comandou um forte treinamento de uma hora e 15 minutos.

Alguns titulares de 2009 também tiveram seu posicionamento alterado, caso de Jean, que jogou de lateral-direito e não de ala, como ano passado. A lateral esquerda teve Jorge Wagner atuando pelo setor.

"Vou procurar me adaptar o mais rápido possível. Como lateral, tenho de marcar mais, subir menos para o ataque e fechar bem os espaços", disse Jean.

Quem saiu do time para as alterações de Ricardo foram o zagueiro Renato Silva e o lateral-esquerdo Júnior César, titulares no final da temporada passada.

O esquema 3-5-2 foi utilizado pela equipe reserva. Ricardo Gomes só mexeu no time depois de 45 minutos de jogo. Léo Lima saiu para a entrada de Carlinhos Paraíba, e Washington e Dagoberto foram substituídos por Marlos e Roger, que está voltando ao São Paulo depois de uma passagem pelo Vitória.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.