São Paulo não passa de empate com o Noroeste no Morumbi

Após abrir dois gols, são-paulinos cedem o 2 a 2 e terminam a rodada do Paulistão fora do grupo dos melhores

Rafael Argemon, estadao.com.br

24 de fevereiro de 2008 | 18h03

Mesmo com um jogador a menos boa parte do segundo tempo, o São Paulo conseguiu segurar um empate por 2 a 2 com o Noroeste, neste domingo, no Estádio do Morumbi. Com o resultado, o time comandado por Muricy Ramalho sai do grupo dos quatro melhores times do Campeonato Paulista, e fica atrás do Corinthians - que bateu a Ponte Preta também neste domingo -, na quinta colocação.Veja também: Ouça os gols da partida, na narração da rádio Eldorado/ESPN Hernanes admite: 'Falta um espírito mais aguerrido' Classificação Próximos jogos / Últimos resultadosMesmo sem muita qualidade, o São Paulo começou o jogo pressionando o Noroeste, e o primeiro gol não demorou a sair. Hernanes, de falta, fez 1 a 0 para os donos da casa. Nove minutos depois, em mais uma jogada de bola parada, Jorge Wagner cobrou falta da direita na cabeça de Borges, que não teve muito trabalho para balançar as redes do goleiro Fabiano. Com o segundo gol, os são-paulinos relaxaram e foram dando cada vez mais espaço para o Noroeste, que não se abateu com a situação adversa e passou a atacar com mais objetividade. Mas foi apenas aos 44 que o time de Bauru conseguiu colher os louros de seu esforço. Edno Edílton escapou pela direita e cruzou na pequena área são-paulina, Otacílio Neto - artilheiro do Paulistão -, sozinho, cabeceou com facilidade para diminuir para os visitantes.São Paulo2Rogério Ceni; Zé Luis, André Dias     e Miranda; Joílson, Hernanes, Fábio Santos     (Júnior), Jorge Wagner     e Richarlyson        ; Borges (Hugo) e Adriano Técnico: Muricy Ramalho Noroeste2Fabiano; Edílton (anderson Marques), Bonfim, Éder Monteiro e Leandro     (Gilsinho); Júlio, Ralf, Edno (Leandrinho) e Luciano Bebê    ; Vandinho e Otacílio Neto    Técnico: Márcio BittencourtGols: Hernanes, aos 16 minutos, Borges, aos 25, e Otacílio Neto aos 44 do primeiro tempo; Vandinho, aos 25 minutos do segundo tempoÁrbitro: Leonardo Ferreira LimaRenda: R$ 157.000,00Público: 9.043 pagantesEstádio: Morumbi, em São Paulo (SP) A etapa final começou até boa para o São Paulo, que acertou a marcação e conseguiu frear um pouco o ímpeto do Noroeste, mas aos 19 minutos, Richarlyson, que já tinha um amarelo, derruba Otacílio Neto na entrada da área são-paulina e é punido com o segundo amarelo.VANTAGEM QUE AJUDAA expulsão foi crucial para o resultado. Os donos da casa se perderam e foram completamente dominados pelo time de Bauru. O Noroeste não teve medo, foi para cima e aos 25, Vandinho aproveitou uma bola que André Dias tirou de Leandrinho na pequena área e chutou por baixo das pernas de Rogério Ceni. Hugo ainda teve uma chance clara de gol já nos descontos da partida, mas desperdiçou e o empate até que acabou sendo bom para o São Paulo, que sofreu boa parte da segunda etapa com a forte pressão do Noroeste.

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo FCNoroestePaulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.