São Paulo nem pensa na saída de Leão

O presidente do São Paulo, Marcelo Portugal Gouvêa, garantiu que nem pensa na possibilidade de o técnico Emerson Leão deixar o clube agora, após a conquista antecipada do título paulista. ?Ele tem contrato até o dia 31 de dezembro e não tem nem porque comentar esse assunto, porque estamos satisfeitíssimos com o trabalho dele e ele também já manifestou estar satisfeitíssimo no São Paulo?, afirmou o dirigente, nesta segunda-feira, em entrevista à Rádio Jovem Pan.O próprio Leão deixou no ar a possibilidade de deixar o São Paulo, ainda no domingo, após o empate com o Santos, em Mogi Mirim - resultado que deu o título ao time do Morumbi. Mesmo porque, o próprio Santos estaria interessado em sua contratação.Mas o presidente Marcelo Portugal Gouvêa revelou que Leão ainda não cumpriu todo seu trabalho no São Paulo. ?Ele sempre foi muito honesto com a gente. Já foi procurado por Corinthians e Santos, mas preferiu ficar?, afirmou o dirigente. ?O título paulista foi a primeira etapa. Ainda faltam três: a Libertadores, o Brasileiro e a Sul-Americana.?Enquanto isso, o presidente Marcelo Portugal Gouvêa começa a organizar a festa pelo título paulista. No sábado, o São Paulo enfrenta o Ponte Preta no Morumbi. E na última rodada do campeonato, no dia 17, o jogo contra o Mogi Mirim, que seria fora de casa, pode ser transferido para o Pacaembu, onde seria entregue o troféu de campeão estadual de 2005.

Agencia Estado,

04 de abril de 2005 | 12h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.