Divulgação
Divulgação

São Paulo perde e termina em 2º lugar no Grupo C do Paulistão

Equipe sofre 1 a 0 do São Bento e encara o Audax nas quartas

Gonçalo Junior, Estadão Conteúdo

10 de abril de 2016 | 18h10

O São Paulo terminou a fase de classificação do Campeonato Paulista sem vencer como visitante. Neste domingo, a equipe do Morumbi perdeu para o São Bento por 1 a 0, em Sorocaba. Com o revés, a equipe, que já estava classificada, terminou a fase como segunda colocada no Grupo C - o líder da chave foi o Audax, que perdeu para o Santos por 2 a 1. Na próxima fase, o São Paulo vai enfrentar o mesmo Audax como visitante - o local da partida ainda não está definido.

No início do jogo, funcionaram os testes feitos pelo técnico Edgardo Bauza, que poupou alguns titulares para o confronto contra o River Plate, pela Copa Libertadores. O lado direito do São Paulo foi o destaque. Caramelo e Centurión, que ganhou nova chance, usavam a velocidade e os deslocamentos para confundir a defesa.

No meio, Wesley, de volta após longa ausência por contusão, equilibrava a saída de bola com rapidez e proteção à zaga. Na defesa, o zagueiro Lugano mostrou que está recuperado das dores nas costas que o tiraram dos três últimos jogos. Lucas Fernandes, que começou como titular pela primeira vez, foi o mais apagado entre as novidades.

Com velocidade e variações de jogadas, o time apresentou volume de jogo e criou várias chances de gol. Nos primeiros 17 minutos, foram cinco arremates contra apenas um do São Bento. A deficiência principal, no entanto, foram as finalizações. Kardec perdeu duas boas chances nos primeiros dez minutos. E a equipe não conseguiu transformar em gols a boa atuação.

A equipe também teve dificuldades com o gramado. A drenagem no Estádio Walter Ribeiro não aguentou volume da chuva forte que caiu em Sorocaba minutos antes do jogo. Algumas partes do gramado foram prejudicadas.

O São Bento não conseguiu reeditar as atuações que o levaram a disputar a liderança do Grupo C contra o Santos. Pesaram bastante os cinco desfalques, todos por questões médicas. Apenas no segundo tempo, a equipe conseguiu furar a defesa do São Paulo. O veterano Edno foi o protagonista desta parte do jogo. Com bons chutes de fora da área, o ex-jogador do Corinthians, Botafogo e Portuguesa obrigou o goleiro Denis a defesas importantes.

O time de Sorocaba também adiantou os meias e, com isso, conseguiu justificar a boa campanha. Aos dez minutos, Régis transformou em vantagem no placar a evolução tática da equipe dentro do jogo. Em uma bela jogada, ele driblou Mena e Lucão e deu uma "cavadinha" na saída do goleiro Denis.

O São Paulo avançou e atacou, mas sem contundência. A única alteração significativa do treinador foi a entrada de Rogério no lugar de Lucas Fernandes, que deixou a equipe com maior poder de finalização. A equipe, no entanto, pagou pelos erros de finalização no começo do jogo.

FICHA TÉCNICA

SÃO BENTO 1 X 0 SÃO PAULO

SÃO BENTO - Henal; Régis Souza, Pitty, João Paulo e Marcelo Cordeiro; Fábio Bahia, Alê (Igor), Serginho Catarinense e Rennan Oliveira (Everton); Anderson Cavalo (Rodriguinho) e Edno. Técnico: Paulo Roberto Santos.

SÃO PAULO - Denis; Camarelo, Lugano, Lucão e Mena (Bruno); Wesley, Thiago Mendes, Daniel (Michel Bastos), Lucas Fernandes (Rogério) e Centurión; Alan Kardec. Técnico: Edgardo Bauza.

GOL - Régis, aos 10 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rodrigo Guarizo.

CARTÕES AMARELOS - Lucão, Lucas Fernandes, Pitty, Michel Bastos,

PÚBLICO E RENDA - Não divulgados

LOCAL - Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.