São Paulo pode ficar sem Cristian

O São Paulo tem até sexta-feira para definir a contratação do meia Cristian, do Paraná. Se não fechar o negócio, a diretoria são-paulina perde a prioridade e deixa o caminho aberto para um de seus maiores rivais: o Palmeiras. Correndo por fora para ter o jogador de 25 anos ainda aparece o Cruzeiro."Amanhã eu devo ter uma informação mais concreta. As coisas estão bem encaminhadas, mas um outro time (Palmeiras) entrou na briga, com uma boa oferta", admitiu o empresário do jogador, Odário Duraens.A diretoria do São Paulo, no entanto, trata o caso sobre total sigilo. "Nunca fizemos proposta pelo Cristian. Nem antes e nem agora", despistou o diretor de futebol do clube, Juvenal Juvêncio. "Nem sei quem é esse jogador", completou o supervisor são-paulino Marco Aurélio Cunha.Mantidos - Enquanto não define a chegada de mais um reforço - Josué já foi contratado -, a diretoria do São Paulo pelo menos acertou a renovação de contrato do goleiro Roger, reserva de Rogério Ceni, e do volante Daniel Rossi, que rapidamente ganhou prestígio com o técnico Emerson Leão. O novo compromisso de ambos vai até o fim de 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.