Rubens Chiri / São Paulo
Rubens Chiri / São Paulo

São Paulo promove três da base, que já treinam no grupo de Aguirre

Meia-atacantes Helinho, Antony e Igor Gomes, todos com menos de 20 anos, ficam à disposição do treinador

O Estado de S. Paulo

26 de setembro de 2018 | 14h29

O São Paulo treinou nesta quarta-feira pela manhã, no CT da Barra Funda, reforçado por três garotos que acabam de ser promovidos das divisões de base do clube: os meia-atacantes Helinho, 18 anos, Antony, 18, e Igor Gomes, 19, passam a integrar imediatamente o elenco de Diego Aguirre e ficam à disposição do treinador para a reta final da temporada.

"Estamos trabalhando em conjunto com a base, e um dos objetivos é de que os meninos façam parte da equipe principal. Como os três que subiram agora, tem outros, como Toró, que é possível fazer parte em breve. Nós precisamos desses meninos, são jogadores importantes para o processo de crescimento do clube", afirmou Aguirre, ao site oficial.

Igor Gomes teve seu contrato com o São Paulo renovado recentemente, e vinha alternando treinos no time de cima com jogos pelo sub-23, que disputa o Campeonato Brasileiro de Aspirantes.

Conforme o ESTADO mostrou nesta quarta, tem sido frequente o empréstimo de jovens jogadores da equipe principal ao grupo de baixo. Na última terça, por exemplo, o São Paulo sub-23 derrotou o América-MG por 2 a 0, no Morumbi, com dois gols de Brenner, atacante promovido no ano passado, mas que quase não vem recebendo chances no profissional. A ideia de Aguirre é dar rodagem aos menos utilizados na Série A do Brasileirão.

"Helinho e Antony são jogadores rápidos, de um contra um, muito habilidosos, tenho certeza de que serão importantes para o São Paulo. O Igor Gomes é um meio-campista de bom jogo, bom passe. Os três estão preparados para crescer e engrandecer o time", disse o técnico são-paulino, que conta em sua comissão técnica com os conselhos de André Jardine, treinador da base antes de se juntar ao estafe do uruguaio.

Everton corre mais uma vez

Com fibrose na coxa esquerda, o meia-atacante Everton repetiu a dose do dia anterior e correu pelos campos do CT, sem trabalhar com os demais companheiros. Ele ainda é dúvida para o duelo contra o Botafogo, domingo, no Rio, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Araruna permanece no Reffis, com contratura na coxa direita, e será baixa para a próxima partida, assim como o zagueiro Arboleda, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, Aguirre terá dois retornos de suspensão: o zagueiro Bruno Alves e o atacante Rojas.

Nesta quinta-feira, em treino fechado à imprensa, o uruguaio deverá começar a definir a escalação que enfrentará os cariocas no Engenhão.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.