São Paulo: Pronto para qualquer rival

O São Paulo ficou satisfeito com seu grupo na Copa Libertadores de 2006 (pegará o Caracas, o Cienciano e um time chileno) e garante que está pronto para enfrentar qualquer rival. ?Não adianta escolher adversário, precisamos estar prontos para enfrentar quem vier pela frente?, comentou Marcelo Portugal Gouvêa, presidente do São Paulo. ?Mas à primeira vista, estamos satisfeitos.? O dirigente lembrou que qualquer que seja o grupo, a primeira fase é sempre complicada. ?O Cienciano, por exemplo, foi campeão da Copa Sul-Americana há pouco tempo ? em 2003 ?, e certamente tem uma boa equipe?, opinou. ?Talvez não enfrentemos um chileno ou mexicano de primeira linha, pois os melhores desses países são cabeças-de-chave, mas eles sempre têm equipes competitivas.? Quanto às viagens que a equipe terá de fazer ? ao México ou Santiago, Caracas e ao Peru ?, Gouvêa não está preocupado. ?Os jogadores já estão acostumados.?

Agencia Estado,

01 de dezembro de 2005 | 23h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.