Felipe Rau/Estadão - 26/08/2014
Felipe Rau/Estadão - 26/08/2014

São Paulo quer definir a situação de Pato em janeiro

Diretoria quer aproveitar a redução da multa rescisória para buscar contratação em definitivo do atacante

PAULO FAVERO, Estadão Conteúdo

23 Setembro 2014 | 17h40

O São Paulo vai esperar o início do próximo ano para definir a situação do atacante Alexandre Pato. Ele está emprestado pelo Corinthians até dezembro de 2015, mas o bom desempenho do atleta está fazendo com que a diretoria são-paulina se mexa para contratá-lo em definitivo. "A performance que ele vem tendo nos impõe a pensar sobre isso", explica Gustavo Vieira de Oliveira, gerente executivo de futebol do clube.

A diretoria são-paulina quer aproveitar a redução no próximo ano da multa rescisória do empréstimo - de 15 milhões de euros para 10 milhões de euros - para contratar o jogador em definitivo. O São Paulo também pensa em viabilizar uma forma de pagar o salário do atleta, de R$ 800 mil por mês - atualmente, o Corinthians paga metade desse valor. "Tem uma série de estratégias e possibilidades. Por enquanto, está só no desejo", desconversa Gustavo.

Pato está em alta no São Paulo, após ter atravessado momentos de irregularidade no Corinthians. Com isso, a diretoria são-paulina tem receio de que, nas próximas janelas de transferência para a Europa, os clubes internacionais venham pagar a multa rescisória, tirando o atacante do Morumbi. O planejamento para adquirir o jogador já está sendo elaborado, mas a diretoria evita tocar muito no assunto. "Estamos mais focados nessa reta final de temporada", conclui Gustavo.

Mais conteúdo sobre:
futebol São Paulo FC Pato

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.