Érico Leonan/Divulgação
Érico Leonan/Divulgação

São Paulo recebe o Cruzeiro e tenta suprir ausências de estrelas

Pela primeira vez Osorio não vai contar com Ganso e Luis Fabiano

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

26 de julho de 2015 | 07h00

O técnico Juan Carlos Osorio vai para a décima partida no comando do São Paulo, e pela primeira vez terá de montar a equipe sem dois de seus pilares. Definir os substitutos dos suspensos Ganso e Luis Fabiano faz o colombiano quebrar a cabeça para definir o time que recebe o Cruzeiro neste domingo, 16h, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro.

Desde junho, quando chegou ao clube, Osorio sempre teve pelo menos um dois em campo. O meia só foi baixa em um jogo desde então, enquanto o atacante ficou fora somente duas vezes. Um segundo tempo desastroso contra o Sport, na semana passada, causou a expulsão dos dois e deu início a uma semana de muitas dúvidas.

Mesmo descartados e suspensos para enfrentar o Cruzeiro, os dois ganharam atenção. Ganso recebeu proposta do Orlando City, dos Estados Unidos, e Luis Fabiano teve oferta, do Cruz Azul, do México. A possibilidade de transferência e as expulsões motivaram o treinador a se reunir com a dupla, e na conversa pediu para que mantenham o foco no São Paulo.

"Espero que o time seja mais efetivo igualmente com ou sem os dois e possa ter bons passes, mas com velocidade", explicou Osorio, sem detalhar como vai solucionar as ausências.

O meia Boschilia, de 19 anos, deve ganhar chance para fazer o papel de Ganso na armação. "O Gabriel (Boschilia) é um jogador diferente do Ganso. Tem mais mobilidade, gosta de jogar em muito espaço. Acho que é uma boa possibilidade para o time e para ele também mostrar que pode jogar nessa posição", disse Osorio

No ataque, a dúvida é como o técnico pode manter o esquema com um atacante centralizado, como prefere. A possibilidade é manter Pato e Centurión mais avançados e apostar na mobilidade da dupla.

O objetivo é conseguir se recuperar da derrota para o Sport e se preparar para uma sequência bastante complicada. Na quarta-feira o São Paulo encara o Atlético-MG, em jogo antecipado da 16.ª rodada, e em Belo Horizonte. Dez dias depois terá no clássico com o Corinthians.

ALTERAÇÕES

Vanderlei Luxemburgo surpreendeu ao definir o Cruzeiro. O meia De Arrascaeta perdeu a vaga para Willian, e no ataque Leandro Damião sai e entra Vinícius Araújo.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO X CRUZEIRO

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Thiago Mendes, Rafael Toloi, Lucão e Carlinhos; Rodrigo Caio, Hudson, Boschilia e Michel Bastos; Alexandre Pato e Centurión. Técnico: Juan Carlos Osorio.

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Manoel, Paulo André e Fabrício; Charles, Henrique, Marinho,  Marcos Vinícius e Willian; Vinícius Araújo. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Juiz: Marcelo de Lima Henrique (PE)

Local: Morumbi

Horário: 16h

Transmissão: Pay-per-view 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.