Marcio Fernandes/AE
Marcio Fernandes/AE

São Paulo recupera confiança para brigar pelo Brasileirão

Washington, Hernanes e o técnico Ricardo Gomes exaltam o poder de recuperação do time no clássico

Marcius Azevedo, Jornal da Tarde

26 de outubro de 2009 | 09h39

A maneira com que o São Paulo venceu o clássico de domingo por 4 a 3 sobre o Santos, em plena Vila Belmiro, foi enaltecida pelos jogadores. O clima era de festa no vestiário do time tricolor após o jogo. "Esperamos fazer jus ao grito da torcida de que o campeão voltou. Foi uma vitória de muita garra. Dá um moral muito grande para o time. Agora vamos rumo ao título", diz o atacante Washington.

Veja também:

linkRogério Ceni diz confiar em substitutos

linkAdrián González dá susto com desmaio

linkCeni critica duramente Simon após expulsão

linkJOGO - Leia como foi Santos 3x4 São Paulo

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabelaClassificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

"Foi uma partida importantíssima, serviu para o São Paulo resgatar a autoconfiança. Pode ser o início de uma grande arrancada", reforça o autor do segundo gol são-paulino. Hernanes, que fez um golaço de falta - o primeiro do São Paulo -, concorda com o camisa nove. "Foi um jogo emocionante, que vencemos com muita dificuldade. Em nenhum momento deixamos de acreditar no título. Sempre fui incisivo ao falar que merecemos essa conquista por tudo que aconteceu no ano".

Apesar dos erros defensivos apresentados pela equipe, o técnico Ricardo Gomes também exalta o poder de reação do time para superar duas adversidades no placar, virar o jogo e ainda aguentar os minutos finais com um jogador a menos - já que Rogério Ceni foi expulso aos 32 minutos do segundo tempo.

"Ficamos duas vezes atrás no placar e, na Vila, isso não é fácil. Mas o time mostrou muito moral nessa partida, muita determinação... Foi um jogo nervoso, mas muito disputado. Foi um jogão, um verdadeiro clássico", disse o treinador. "É uma vitória que dá muito moral, mostramos que vamos brigar pelo título. Claro que uma derrota não nos tiraria da briga, mas sabíamos o quanto era importante vencer hoje [domingo]", completou.

A vitória deixou o São Paulo na quarta colocação do Campeonato Brasileiro, a apenas dois pontos do líder Palmeiras (54 contra 52). O Atlético Mineiro está em segundo, com 53. O Internacional em terceiro, com 52. "O campeonato é muito equilibrado. É normal ter altos e baixos em um campeonato tão longo. A gente estava tentando reduzir essa fase não tão boa . Estamos na briga, voltamos a aumentar o nosso poder de fogo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.