São Paulo segura Ronaldinho e vence Atlético-MG

O São Paulo fez bem a lição de casa e venceu o Atlético-MG por 1 a 0, neste domingo, no Morumbi, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Em jogo morno, a equipe paulista contou com o gol de Luis Fabiano, ainda no primeiro tempo, para chegar à terceira vitória na competição, a terceira por este placar.

GABRIEL MELLONI, Agência Estado

17 de junho de 2012 | 18h15

Com o resultado, o São Paulo chegou aos nove pontos e subiu para a sexta colocação. Na próxima rodada, a equipe enfrentará a Portuguesa, no próximo sábado, às 18h30, no Canindé. Já o Atlético-MG estacionou nos dez pontos, em terceiro, e jogará contra o Náutico, também no próximo sábado, às 21 horas, no Independência.

Para chegar à vitória, o time da casa contou com os lampejos de Jadson. Mesmo sem ser brilhante, o meia distribuiu bem o jogo e deu bons passes, inclusive a assistência para Luis Fabiano. Por outro lado, o Atlético-MG teve Ronaldinho Gaúcho apagado em sua segunda partida pelo clube, bem abaixo da atuação que teve na estreia contra o Palmeiras.

Antes da partida, o São Paulo homenageou os jogadores que fizeram parte do elenco que conquistou a primeira Libertadores do clube, em 1992. Há exatos 20 anos, a equipe vencia o Newell''s Old Boys na decisão do torneio continental e por isso alguns nomes daquele time, como Raí, Zetti e Cafu, entraram em campo neste domingo com o troféu da competição.

O JOGO - O Atlético-MG começou melhor na partida e logo aos 4 minutos perdeu boa oportunidade, com Jô, que cabeceou para boa defesa de Dênis. Mas logo o São Paulo equilibrou as ações e passou a controlar a posse de bola.

Aos 20 minutos, o São Paulo perdeu Fabrício. O volante, que voltou à equipe após longo período afastado, pisou em um buraco, sentiu a perna direita e deu lugar a Maicon. Este era apenas o quarto jogo do atleta desde que chegou ao clube paulista, em janeiro, justamente por causa de uma sequência de lesões.

As duas equipes sofriam para passar do meio de campo, o jogo ficou truncado e a chance seguinte aconteceu apenas aos 29 minutos, quando Luis Fabiano e Lucas fizeram boa jogada, mas o meia acabou se atrapalhando na hora de finalizar. Dez minutos depois, o time da casa teve nova chance. Após boa troca de passes, Maicon entrou na área, perdeu ângulo e rolou para Jadson. O meia chegou batendo de esquerda e exigiu boa defesa de Giovanni.

O São Paulo crescia na partida e conseguiu chegar ao gol aos 41 minutos. Jadson avançou pela intermediária e deu ótima enfiada de bola para Luis Fabiano. O atacante bateu de primeira, na saída de Giovanni, para marcar seu terceiro gol neste Campeonato Brasileiro.

O primeiro tempo acabou mesmo com a vantagem são-paulina e na volta do intervalo o time da casa parecia satisfeito com o placar. Assim, recuou e permitiu que o Atlético-MG dominasse a posse de bola. Os visitantes, no entanto, viam Ronaldinho e Bernard em tarde apagada e tinham dificuldades na criação de jogadas.

Em uma das poucas subidas ao ataque, o São Paulo perdeu a bola, permitiu o contra-ataque do Atlético-MG e quase levou o empate. Aos 14 minutos, Jô recebeu na meia-lua e bateu, mas foi travado. No lance seguinte foi a vez dos donos da casa levarem perigo, com Jadson, que invadiu a área sozinho, mas se atrapalhou e não bateu a gol.

As chances animaram o jogo e as duas equipes passaram a buscar mais o gol. De um lado, Ronaldinho bateu falta com perigo, enquanto do outro, Jadson tentou enfiada de bola para Luis Fabiano e exigiu saída rápida de Giovanni.

Aos 22 minutos, o Atlético-MG perdeu sua melhor chance na partida. Juninho, que havia entrado há pouco, fez ótima jogada na intermediária, costurou a zaga adversária e tocou para Bernard. O meia bateu forte, mas em cima de Dênis, que impediu o empate.

O jogo estava aberto, com chances para ambos lados. Aos 28 minutos, foi a vez do São Paulo, com Lucas, que ganhou de Réver, invadiu a área e rolou para o meio. Carlos César conseguiu desviar a bola e tirá-la da direção de Jadson. No final da partida, a equipe perdeu Luis Fabiano, expulso por reclamação, mas já era tarde para uma reação do Atlético-MG.

SÃO PAULO 1 X 0 ATLÉTICO-MG

SÃO PAULO - Dênis; Douglas (Rodrigo Caio), Paulo Miranda, Rhodolfo e Cortez; Fabrício (Maicon), Casemiro, Jadson e Cícero; Lucas (Osvaldo) e Luis Fabiano. Técnico - Emerson Leão.

ATLÉTICO-MG - Giovanni; Carlos César (André), Réver, Rafael Marques e Júnior César; Pierre (Leandro Donizete), Richarlyson, Bernard e Ronaldinho Gaúcho; Danilinho (Juninho) e Jô.

GOL - Luis Fabiano, aos 41 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Elmo Alves Resende Cunha (GO).

CARTÕES AMARELOS - Douglas, Pierre, Lucas, Luis Fabiano.

CARTÃO VERMELHO - Luis Fabiano.

PÚBLICO - 10.981 pagantes.

RENDA - R$ 304.052,00.

LOCAL - Estádio Morumbi, em São Paulo (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.