Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

São Paulo só empata com Ituano e Renan Ribeiro evita o pior no Morumbi

Goleiro realiza boas defesas em empate por 1 a 1, no Morumbi

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

18 de março de 2017 | 18h03

No menor público do ano em seu estádio, o São Paulo apenas empatou com o Ituano por 1 a 1, pelo Campeonato Paulista. Cueva fez o gol do time antes de se apresentar à seleção do Peru e atrás Renan Ribeiro, que estreou no gol sob o comando de Rogério Ceni, evitou uma derrota no Morumbi com grandes defesas e ouviu a torcida gritar seu nome.

O início da partida não parecia promissor ao São Paulo. Logo aos 4 minutos, em um cruzamento da esquerda, Simião apareceu sozinho e finalizou, mas Renan Ribeiro fez ótima defesa, salvando o time da casa de sofrer um gol logo cedo no confronto. A resposta veio dez minutos depois, com Bruno, que tentou cruzar e quase marcou. O goleiro Fábio conseguiu espalmar.

Apesar do favoritismo, o São Paulo tinha muita dificuldade para criar as jogadas e não conseguia furar a marcação do Ituano, que recuava todos os seus jogadores e atuava compactada do meio para trás. Sem espaço, a criação das jogadas não acontecia e o Ituano aproveitava para incomodar nos contra-ataques.

Em um desses lances, Claudinho tocou para Morato na entrada da área, que devolveu para o companheiro. Claudinho chutou, mas Douglas desviou para escanteio, evitando o perigo. E quando a partida se encaminhava para o intervalo com o placar em branco, o São Paulo acertou uma jogada no ataque. Pratto dominou a bola fora da área e tocou para Bruno. O lateral cruzou e Cueva marcou seu sétimo gol na temporada.

Na etapa final os dois times vieram com modificações. Ceni recuou Jucilei para a zaga, no lugar de Douglas, que saiu para a entrada de João Schmidt. O treinador também mexeu na lateral-esquerda. Roque Júnior, por sua vez, sacou Marcelinho e colocou Rodrigo Celeste.

No primeiro ataque, o Ituano quase empatou. Simião bateu da entrada da área e Renan Ribeiro fez uma linda defesa e ouviu a torcida gritar seu nome. Só que aos 16 não teve jeito. Em uma bela jogada, Morato lançou Igor, que chutou na saída de Renan Ribeiro. O goleiro espalmou e no rebote Simião marcou.

Após sofrer o empate, o São Paulo tentou partir para cima e, ao mesmo tempo que arriscou, ficou mais vulnerável aos contragolpes. Aos 29, Pratto aproveitou cruzamento da direita e cabeceou na trave. A resposta do Ituano veio aos 35, também numa cabeçada, de Lima, que Renan Ribeiro salvou com o rosto.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 1 x 1 ITUANO

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Bruno, Breno, Douglas (João Schmidt) e Buffarini (Junior Tavares); Jucilei, Cueva Thiago Mendes, Cícero (Wellington Nem) e Luiz Araújo; Pratto. Técnico: Rogério Ceni.

ITUANO: Fábio; Arnaldo, Naylhor, Lima e Peri; Walfrido, Igor, Marcelinho (Rodrigo Celeste) e Claudinho (Bassani); Simião (Dener) e Morato. Técnico: Roque Júnior.

Gols: Cueva, aos 42 minutos do 1º tempo; Simião, aos 16 minutos do 2º tempo.

Juiz: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral.

Cartões amarelos: Buffarini (3º), Douglas, Cueva (3º), Breno e Peri.

Renda: R$ 313.474,00.

Público: 11.886 torcedores.

Local: Morumbi, em São Paulo (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.