Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

São Paulo só pensa no Quilmes

Pelo menos até quarta-feira, o Campeonato Paulista é um assunto proibido no São Paulo. O técnico Émerson Leão quer o time concentrado só no jogo contra o Quilmes, em Buenos Aires, pela Libertadores da América.Os jogadores parecem ter entendido o recado do técnico. Até quem poderia ter ficado frustrado, por não ter sido convocado para a Seleção Brasileira, reagiu bem e direcionou todas as forças para o próprio São Paulo. Esse foi o caso do lateral-direito Cicinho."Não há nenhum sentimento de frustração. Vários jogadores do São Paulo estavam cotados. O Rogério Ceni, o Grafite, eu... Se não foi desta vez, pode ser na próxima. Por isso é importante continuar fazendo bem o nosso trabalho no São Paulo", destacou Cicinho.O jogador também confirmou a tese do técnico Émerson Leão, de que o time precisa de descanso. O ala são-paulino admitiu que saiu de campo exausto, no sábado. "Saí cansado, mas nada que vá me atrapalhar no jogo da próxima quarta-feira".Se o desgaste do grupo já foi grande nas últimas rodadas, deve ser ainda maior nas próximas. O São Paulo fará três jogos em seis dias. Além do Quilmes, na quarta-feira, pela Libertadores, enfrenta o Marília no domingo e o Guarani na terça-feira, pelo Campeonato Paulista.A boa notícia é sobre Josué. Segundo Leão, o jogador não sofreu estiramento nem distensão. E tem boas chances de seguir com a delegação para a Argentina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.