São Paulo sonha com a Libertadores

O São Paulo entra no Campeonato Brasileiro como um dos candidatos ao título, ao menos no papel. Além de ter mantido os campeões mundiais Rogério Ceni e Kaká, a diretoria reforçou posições carentes ? a proposta é levar o time de volta à Taça Libertadores da América, que não disputa desde 1994, quando perdeu do Vélez Sarsfield na final. O clube contratou o lateral-esquerdo Jorginho Paulista, o zagueiro argentino Ameli e o atacante Leandro. Trouxe de volta Luís Fabiano, que estava no Rennes, da França, e manteve Reinaldo. "Não entramos pensando em outra coisa que não no título. Queremos voltar à Libertadores", comentou Carlos Augusto de Barros e Silva, diretor de Futebol. A atual diretoria, que assumiu o clube em abril, preferiu adotar um novo método de trabalho em relação ao da gestão de Paulo Amaral. Por enquanto, mantém os cofres abertos e faz pouca economia. Tanto que, além da "gorda" comissão técnica, encabeçada por Oswaldo de Oliveira, contratou Raí e Cilinho para trabalhar nas categorias de base. Livrou-se, porém, de salários elevados como o de Souza, que não teve o contrato renovado. O meia recebia R$ 60 mil mensais. Logo na estréia, Oswaldo conquistou o título do Supercampeonato Paulista, em maio, mas foi eliminado na primeira fase da Copa dos Campeões, que garantiu ao campeão, o Paysandu, vaga na Libertadores. Para o Brasileiro, no entanto, está reforçado e, com a fragilidade da maioria dos adversários, que pouco investiram, pode fazer bom papel na competição. No ano passado, o time, então comandado por Nelsinho Baptista, conseguiu ficar entre os oito melhores, mas acabou eliminado pelo Atlético Paranaense nas quartas-de-final, em Curitiba, ao perder por 2 a 1. O time base do São Paulo tem Rogério Ceni; Gabriel, Ameli, Jean e Jorginho Paulista; Júlio Batista, Maldonado (Simplício), Adriano e Kaká; Luís Fabiano e Reinaldo.

Agencia Estado,

09 Agosto 2002 | 09h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.