Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

São Paulo tem de derrubar tabu contra o Grêmio para voltar a vencer

Tricolor, que ainda persegue a primeira vitória em 2021, não vence o rival deste domingo há 11 jogos

Redação, O Estado de S.Paulo

14 de fevereiro de 2021 | 05h00

Ainda em busca da primeira vitória em 2021, o São Paulo precisará quebrar um tabu neste domingo, no jogo com o Grêmio, às 20h3o, na Arena, para alcançar o objetivo. Desde 2015 que o time paulista não vence os gaúchos. São 11 jogos, com cinco vitórias do Grêmio e seis empates.

O São Paulo não sabe o que é ganhar há oito jogos – quatro vitórias e quatro empates neste período – e hoje tem chances meramente matemáticas de título no Campeonato Brasileiro. Mas, com 59 pontos e em quarto lugar na classificação, está bem perto de vaga direita na Copa Libertadores. Para isso, uma vitória no Sul será bastante importante para dar tranquilidade nas rodadas que faltam.

A vitória também é necessária para começar a aliviar o clima pesado no Morumbi e já ir preparando terreno para a chegada do novo técnico, o argentino Hernán Crespo. Ele deve chegar ao Brasil na terça-feira para conhecer a estrutura do São Paulo, embora em princípio só deva iniciar seu trabalho de fato após o Brasileirão.

Esta noite, o técnico interino, Marcos Vizolli, não poderá contar com Juanfran, Igor Gomes e Pablo, suspensos, além de Gabriel Sara, ainda em recuperação de uma lesão na coxa. Na lateral direita, o substituto natural é Igor Vinícius e Tchê Tchê entra no meio de campo na vaga de Gomes. Hernanes deve ocupar o lugar de Sara e Carneiro e Vitor Bueno disputam a posição no ataque.

Taticamente, o São Paulo não terá grandes mudanças na partida desta noite. Vai procurar se preservar um pouco mais defensivamente, e tentar chegar com mais rapidez, com jlogo vertical, na área do time gaúcho. A falta de um velocista, no entanto, é um complicador.

Depois do confronto desta noite, o São Paulo terá jogos contra Palmeiras (adiado da 34ª rodada), Botafogo e Flamengo para encerrar sua participação no Brasileirão.

O Grêmio novamente não terá zagueiro argentino Kannemann, mas em compensação o técnico Renato Gaúcho contará com o retorno de quatro jogadores que não participaram da goleada por 5 a 2 sobre o Botafogo, na rodada anterior.

Voltam ao time o goleiro Vanderlei e o lateral-esquerdo Diogo Barbosa, que foram poupados na partida de segunda-feira, e Victor Ferraz e Diego Souza, que cumpriram suspensão.

Em sexto lugar com 56 pontos, o Grêmio também ainda luta por lugar no G-4 do Campeonato Brasileiro, que dá vaga direta na Libertadores, fator que pode pesar na decisão de Renato Gaúcho de renovar contrato com o clube. O treinador interessa ao Atlético-MG.

CRESPO

O treinador argentino mandou ontem um recado para a torcida do São Paulo. Em vídeo divulgado à tarde por meio do Twitter do clube, o treinador disse estar orgulhoso com a oportunidade de trabalhar na equipe do Morumbi.

“Estou muito orgulhoso por ser parte da família do São Paulo. Quero aproveitar para cumprimentar a torcida tricolor. Nos vemos em breve. Vamos, São Paulo!”, foi a mensagem de Crespo, que terá contrato de dois anos de duração.


FICHA TÉCNICA

GRÊMIO: Vanderlei; V. Ferraz, Rodrigues, P. Miranda (D. Braz) e D. Barbosa; M. Henrique, Maicon, Alisson, J. Pyerre e Pepê; D. Souza. Técnico: Renato Gaúcho.

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Tchê Tchê e Hernanes; Luciano e Carneiro (Vitor Bueno). Técnico: Marcos Vizolli (interino).

JUIZ: Paulo Roberto A. Junior (PR).

LOCAL: Arena Grêmio. 

HORÁRIO: 20h30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.