São Paulo trabalha bola aérea em treino no gramado do Morumbi

Equipe vem sofrendo com cruzamentos tanto na defesa quanto no ataque e busca recuperação no Brasileirão já na próxima rodada

FERNANDO FARO, O Estado de S. Paulo

08 de agosto de 2014 | 12h30

O São Paulo fez mais um treino tático visando o confronto contra o Vitória neste domingo pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ao contrário do que é costume, o técnico Muricy Ramalho deixou o CT da Barra Funda e levou a atividade para o Morumbi para aclimatar os jogadores às dimensões do estádio.

Durante o treino, Muricy enfim começou a trabalhar as bolas aéreas no ataque e na defesa, que têm sido um drama para a equipe nos últimos jogos. O técnico ensaiou algumas cobranças com os meias Kaká e Paulo Henrique Ganso e repetiu os lances em alguns momentos para ajustar o posicionamento dos jogadores.

Esta foi a segunda atividade tática da equipe na semana. No domingo e na segunda-feira, o elenco folgou, na terça fez um treino em campo reduzido e foi à academia; quarta-feira foi dia de finalização e treino "físico-técnico". Apenas nesta quinta-feira a equipe começou a trabalhar coletivamente. Muricy, se irritou ao ser questionado sobre o assunto. "É que vocês (imprensa) não vão nos treinos à tarde. Nós treinamos o suficiente", rebateu, quando questionado pela reportagem.

O São Paulo já está definido para a partida contra o Vitória e vai a campo com Rogério Ceni; Douglas, Rafael Toloi, Antonio Carlos e Alvaro Pereira; Souza, Denilson, Kaká e Ganso; Alexandre Pato e Alan Kardec.

Em sétimo lugar na classificação no Campeonato Brasileiro, com 20 pontos, o São Paulo está a nove pontos do Cruzeiro, líder, e a quatro do Corinthians, último integrante do grupo dos quatro primeiros colocados, que se classificam para a próxima edição da Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.