Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

São Paulo treina para furar retranca do Coritiba na quinta-feira

Até zagueiros serão importantes na armação das jogadas de ataque

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

31 de julho de 2017 | 21h04

O técnico Dorival está preparando o São Paulo para uma retranca no jogo de quinta-feira contra o Coritiba. Depois de ser pressionado contra o Grêmio e arrancar o empate por 1 a 1 e fazer um jogo equilibrado com o Botafogo, que resultou na vitória por 4 a 3, o treinador quer que o São Paulo tome a iniciativa do jogo no Morumbi.

No treino desta segunda-feira, ele ensaiou variações de ataque contra defesa. A primeira opção é ensaiar a saída dos zagueiros para que eles comecem a armação das jogadas, se possível, com passes em profundidade. Outra opção são as jogadas pelas laterais com cruzamentos para a área, para o cabeceioi de Gilberto e Pratto.

A terceira jogada de ataque foi a chegada à linha de fundo, a jogada clássico dos laterais, com cruzamentos rastteiros ou pelo alto. Em todas as variações, Dorival procurou a velocidade e os toques de primeira.

Em relação à escalação, o treinador deu uma pista: Marcos Guilherme, autor de dois gols na virada sobre o Botafogo, deverá ser escalado no lugar de Marcinho, que teve atuação apagada no Engenhão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.