São Paulo: TV japonesa acompanha treino

Ainda faltam cinco meses, mas o interesse dos japoneses pelo Mundial de Clubes da Fifa já é grande. A Nippon Television, que detém os direitos de transmissão do torneio, está fazendo reportagens sobre os participantes e os candidatos à competição. Uma equipe da TV japonesa foi ao CT do São Paulo, hoje, para entrevistar Rogério Ceni e Amoroso. Os jornalistas também acompanharam os treinos do Atlético-PR em Curitiba. "Eles gostaram da estrutura dos clubes, mas estranharam a desorganização", contou a produtora Ana Suzuki. Os japoneses não entenderam porque apenas os reservas treinaram hoje, enquanto os titulares, concentrados na final da Taça Libertadores, contra o Atlético-PR, não foram para o gramado. "O japonês é todo programado, e aqui no Brasil não se sabe direito quando haverá treino e os jogadores darão entrevistas", disse a produtora. O repórter da equipe é o ex-jogador Nobuhiro Takeda, que atuou no Verdy e na seleção japonesa. Além do Brasil, a Nippon Television faz reportagens no Liverpool - campeão da Europa -, no Saprissa, da Costa Rica - campeão da América Central e do Norte -, no Sidney FC, da Austrália - vencedor na Oceania. Também participarão da competição, de 11 a 18 de dezembro, os campeões da Libertadores, África e da Ásia. G.V.N.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.