São Paulo vai secar os ponteiros

Vencer o Paysandu por 4 a 1, neste sábado, no Morumbi, foi a lição de casa para o São Paulo. Neste domingo, a ordem é ?secar? quem está na frente na tabela.O sonho continua sendo o título brasileiro. ?A vitória foi boa, mas agora temos que torcer contra uns, a favor de outros... principalmente contra o Inter, que não pode vencer de jeito nenhum?, disse o goleiro Rogério Ceni, lembrando que a distância para o líder Inter é no momento de 10 pontos (era de 18 até seis rodadas atrás).Para Rogério Ceni, as duas próximas rodadas serão ainda mais decisivas para o São Paulo. ?Teremos pela frente dois adversários que estão na nossa frente, o Botafogo (no Rio, dia 2 de outubro) e o Inter (dia 5, em Porto Alegre). Não podemos nem pensar em perder esses jogos, se ainda quisermos falar em título?.Sobre a vitória de ontem, o goleiro lamentou apenas o gol sofrido pela equipe tricolor, marcado por Balão. ?Ele pegou a bola e foi driblando, driblando, driblando, até marcar o gol. Bobeamos. Isso não pode acontecer?.Enquanto cobrava a defesa, Rogério Ceni elogiava o meia Danilo. ?Para mim, ele foi o melhor jogador em campo, não só pelos dois gols, mas pelas jogadas que armou?, disse o goleiro.Com os dois gols marcados ontem, Danilo passou a ser o terceiro maior artilheiro do São Paulo na temporada com 13 gols, ao lado de Amoroso e à frente de Grafite (12) e Luizão (11). Só Rogério Ceni (18) e Diego Tardelli (17) marcaram mais que Danilo. ?Estou numa fase boa e pretendo continuar assim?, comentou o meia.Quem também estava feliz da vida era o atacante Christian, que fez ontem seu quarto gol nos últimos quatro jogos disputados. Ele já tem cinco no Brasileirão. ?Fico feliz por ter ajudado o São Paulo novamente?, disse ele.Substituído por Hernanes aos 36 minutos do segundo tempo, Christian saiu aplaudido de campo pela torcida. Ele agradeceu bastante o apoio dos torcedores. ?As coisas estão começando a acontecer para mim. Tenho trabalhado forte e vou continuar assim. Ainda quero fazer muitos gols pelo São Paulo?.Sobre a vitória de ontem, Christian disse que ?no primeiro tempo, não tivemos muitas chances de gol. Mas no segundo, voltamos com outra atitude e conseguimos os gols que precisávamos?.Questionados sobre a prisão do árbitro Edílson Pereira de Carvalho, os jogadores evitaram ao máximo falar sobre o assunto. ?Estamos tão surpresos quanto vocês?, disse o zagueiro Lugano, que também marcou um gol ontem, de cabeça. O próximo jogo do São Paulo é domingo, contra o Botafogo, no Rio de Janeiro. Para essa partida, o técnico Paulo Autuori não poderá contar com o lateral-direito Cicinho, que recebeu ontem o terceiro cartão amarelo. Em compensação, deverá ganhar o reforço do atacante Amoroso, recuperado de contusão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.