Divulgação
Divulgação

São Paulo valoriza ponto fora de casa, mas lamenta atuação

Luis Fabiano e Muricy Ramalho esperavam vitória em Uberlândia

Agência Estado

29 de maio de 2014 | 00h45

UBERLÂNDIA - Nem mesmo o gol salvador de Luis Fabiano nos instantes finais que garantiu o empate do São Paulo por 2 a 2 com o Atlético Paranaense fez os jogadores comemorarem o resultado pelo Brasileirão. Apesar de escapar da derrota praticamente no último lance, o time admitiu que era importante conseguir o resultado positivo para se manter perto do G4.

"Foi um jogo muito abaixo daquilo que a gente pretendia. Ficamos duas vezes atrás, para buscar o resultado no Brasileiro é difícil. Paciência...um pontinho. Não foi o que esperávamos", lamentou o centroavante Luis Fabiano.

Para o técnico Muricy Ramalho, que chegou a classificar o jogo como "horrível", a equipe dificilmente repetirá a performance abaixo da crítica neste sábado contra o Atlético Mineiro. O técnico espera que o adversário, último antes da pausa da Copa do Mundo, seja mais ofensivo no Morumbi. "Será um jogo diferente, o Atlético Mineiro vem mais pro jogo e põe a bola no chão. Estaremos na nossa casa e precisamos impor nosso ritmo. Mas dificilmente jogaremos duas partidas tão ruins quanto a de hoje (quarta)", criticou.

O gol de Bady, o primeiro da partida, também foi alvo de críticas dos jogadores; o time tricolor vem sofrendo com problemas na bola aérea e mais uma vez viu o adversário se aproveitar da deficiência para tirar vantagem. Souza não poupou reclamações à falta de atenção dos companheiros e lembrou que as desatenções coletivas custam caro para a equipe.

"Não dá para toda hora ser assim, toda hora sofremos gols e temos de correr atrás. É complicado. O resultado foi bom porque não perdemos. Mas o time precisa acordar", reclamou o volante.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoSão Paulo FC

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.